Para não desagradar aliados, Caiado evita falar de apoio a candidato a presidente

Senador alega que cenário em Goiás não é nacionalizado e não se posiciona

Foto: reprodução

O senador e candidato ao governo de Goiás pelo DEM, Ronaldo Caiado, tem reforçado que não irá se posicionar quanto à disputa à presidência para as eleições deste ano, ao menos não por enquanto.

Em entrevista à Rádio Sagres 730 nesta segunda-feira (20), o senador alegou que o cenário em Goiás “nunca foi nacionalizado” e que, como seu partido não tem candidato próprio, fará uma consulta na reta final da campanha para escolher o nome que irá “prevalecer na campanha”.

Na coligação formada por 13 partidos, o senador conta com legendas que apoiam o tucano Geraldo Alckmin (como é o caso do próprio DEM), o ex-governador Ciro Gomes (PDT), o deputado Jair Bolsonaro (PSL) e até mesmo o ex-presidente Lula (PT).

Destes, dentro das opções viáveis se levado em conta o cenário político local e nacional, Ciro e Bolsonaro são os nomes mais prováveis.

Deixe um comentário