Para 69% dos brasileiros, Bolsonaro favorece grandes empresários

Pesquisa aponta que, para cidadãos, ponto de destaque negativo do governo é redução da pobreza e das desigualdades sociais. Paulo Guedes contribuiria para isso

Jair Bolsonaro e Paulo Guedes: o “amor” está acabando | Foto: Reprodução | Ueslei Marcelino/Reuters

Uma pesquisa, realizada pelo Instituto Conhecimento Liberta (ICL), apontou que 69% dos brasileiros acreditam que os maiores favorecidos do governo Bolsonaro são grandes empresários. Os dados do levantamento concluíram que a percepção popular é que a administração do atual presidente combate pouco a pobreza e é benéfica para banqueiros e investidores.

Cerca de 44% dos entrevistados mencionaram que o ponto negativo de destaque do governo é a redução da pobreza, das desigualdades e o combate à pandemia. Além disso, as pessoas reconhecem que a população pobre é a mais afetada pela crise econômica.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, foi citado como causa desta avaliação negativa. Para 60% dos brasileiros, o titular da Pasta atua em benefícios dos ricos e é controlado pelos bancos privados. Ainda, 50% consideram o braço direito de Bolsonaro corrupto.

A corrupção foi outro ponto avaliado na pesquisa. Para os entrevistos, a ilegalidade é presente no setor público e privado. Cerca de 80% dos brasileiros disseram que envio de dinheiro para paraísos fiscais prejudicam o Brasil. Os menos favorecidos pelo governo, na opinião dos entrevistados, são os trabalhadores e a população em geral.

Veja alguns dados da pesquisa em gráficos:

Fonte: ICL
Fonte: ICL
Pontos negativos do governo. | Fonte: ICL
Fonte: ICL

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.