Juninho passou por processo de análises que possibilitou encontro com Maria Rosa Silva, em tratamento há mais de um mês

Foto: reprodução

O Hospital Estadual de Urgências da Região Noroeste de Goiânia (Hugol) foi cenário de uma história emocionante nesta semana. Internada há mais de um mês, Maria Rosa Silva recebeu a visita inusitada de seu animal de estimação, Juninho, um cãozinho que Maria cria como um filho. A visita foi organizada por familiares e funcionários do hospital.

“Ela é uma pessoa muito amorosa, que gosta de cuidar de todos ao seu redor, mas estava abatida com a situação em que se encontra. Quando ela foi informada pela equipe do hospital que poderia ver o seu ‘filho’, o comportamento dela mudou, ficando muito mais animada”, afirma Benícia Gonçalves de Sousa, familiar da paciente.

O hospital relata que a paciente, apesar de ser muito colaborativa no tratamento, encontrava-se em estado de desânimo e observavam a foto de Juninho perto de seu leito, onde mantinha para que ele estivesse por perto, mesmo que simbolicamente.

Para a entrada do cãozinho foi necessário todo um processo de análise, que passou por exames, avaliação de cartão de vacinas e verificação comportamental de Juninho, que passou em todos os testes.

“Depois que soube da visita, ela mudou completamente, participando novamente das práticas de recuperação e melhorando muito o seu lado emocional”, relatou a fonoaudióloga da unidade Angélica Rodrigues Batista.