Orquestra Filarmônica encanta goianienses no Parque Vaca Brava

Público apreciou um repertório diversificado no concerto, que contou com clássicos, trilhas de filmes, música goiana e até baião

| Foto: Flavio Isaac/ Reprodução Facebook

Público compareceu em grande número à apresentação | Foto: Flavio Isaac/ Reprodução Facebook

A Orquestra Filarmônica de Goiás voltou a levar os goianienses aos parques da cidade para conferir suas apresentações. O palco deste domingo (23) foi o Parque Vaca Brava. De pé ou acomodados em cangas, o público voltou a comparecer em massa, assim como fez no Parque Flamboyant, em junho.

Além dos clássicos, como Mozart, e românticos, como Suppé e Dvorák, também teve espaço para um pedaço da apresentação de maior público da Orquestra em 2015: a de Clássicos do Cinema. O público pôde relembrar trilhas famosas como a Marcha Imperial de Star Wars, o tema principal de Indiana Jones e de Superman, todas do premiado compositor americano John Williams.

A regência ficou por conta do maestro Marshal Galoso que, seguindo a orientação de tornar a música clássica mais acessível, aproveitava o intervalo entre as músicas pra explicar um pouco mais sobre o repertório. A música de Goiás esteve presente na interpretação de Noites Goianas, de J. Santana. No final da apresentação, uma grata surpresa ao público: a obra Gonzaguiana, de Ciro Pereira, que homenageia clássicos do Rei do Baião, Luiz Gonzaga.

A Orquestra volta a se apresentar na quinta-feira (27), no Teatro Goiânia. A regência fica a cargo do maestro convidado Emanuelle Baldini, spalla (primeiro-violino de uma orquestra) e membro do quarteto de cordas da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo. No repertório, as quatro estações de Vivaldi e as quatro estações portenhas de Piazzolla. A entrada é gratuita.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.