Operação Monte Carlo: Julgamento de mais de 50 réus começa no próximo dia 19

Mais de 200 testemunhas irão depor. Dentre os réus estão PMs, o coronel Sérgio Katayama, o delegado Aredes Correia, o irmão de Carlos Cachoeira, Paulo Roberto de Almeida Ramos, e o ex-diretor da Delta Cláudio Abreu

A instrução criminal do caso Cachoeira, resultante das investigações da Polícia Federal para a Operação Monte Carlo, está prevista para começar no próximo dia 19 e seguir até 23 de maio. O caso está a cargo do juiz federal substituto Francisco Vieira Neto, da 11ª Vara Federal de Goiás, que no final de novembro de 2013 iniciou a instrução criminal a mais 50 envolvidos nas investigações da Operação Monte Carlo, entre os quais o empresário Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira –– condenado a 39 anos de prisão por peculato, corrupção, violação de sigilo e formação de quadrilha, mas que segue em liberdade.

O mesmo magistrado, em meados de janeiro deste ano, decidiu por não acatar a absolvição sumária do empresário de Carlinhos Cachoeira e de outros 15 réus no processo da Operação Monte Carlos, iniciando, portanto, a instrução criminal. Eles são acusados de contrabando de componentes eletrônicos para máquinas caça-níqueis.

A decisão de Francisco Vieira Neto teve por base a ausência nos autos da ação penal da existência de prova manifesta de causa excludente de culpabilidade e que o fato narrado não constituiria crime. Essas hipóteses são previstas no artigo 397 do Código do Processo Penal (CPP). Entretanto, o juiz negou a prisão preventiva dos acusados, solicitada pelo Ministério Público Federal em Goiás (MPF-GO).

Pela determinação do magistrado, presidente da Vara, tiveram de ser providenciada de a partir do final do mês de novembro de 2013 a expedição de cartas precatórias para a oitiva de cerca de 200 testemunhas de defesa que moram em 11 municípios diferentes.Também foi designada a audiência de instrução e julgamento do caso, que se dará entre os dias 19 a 23 de maio de 2014, para uma parte dos réus e entre 26 a 30 de maio de 2014 para os demais –– já que o processo teve de ser desmembrado.

Serão ouvidas as testemunhas residentes em Goiânia, além dos 50 réus, dentre os quais estão 16 policiais militares goianos, um policial civil e um delegado de Polícia.

Réus desta etapa:

Júlio César, Jorge Flores, Emerson Rodrigues, Teodorico Mendes, Josemar Café, Marco Aurélio, Luiz Cláudio, Luiz Fabiano, Leonardo Jefferson, André Pessanha, Witer Dantas, Leonam Pereira, Tony Batista, Sônia Regina, Aredes Correia, Antonil Ferreira, Edmar Francisco, Uziel Nunes,José Luiz Martins, Massatoshi Sérgio Katayama, João de Deus Teixeira Barbosa, Rogério Diniz, Paulo Roberto De Almeida Ramos, Harold Salvador Ruiz Escobar, Thiago De Almeida Ramos, Danilo Dias Dutra, Cláudio Dias de Abreu, Rosalvo Simprini Cruz, Adriano Aprígio de Souza, André Teixeira Jorge, Valmir José da Rocha, Marco Antônio De Almeida Ramos, Arnaldo Rúbio Júnior, Cristiano Rufino, André Luis Freitas Pinheiro, Luismar Borges Ferreira, Antonio Valter Pereira da Silva, Luciana Bernardes de Souza, Edson Coelho Dos Santos, Willian Vitorino, Elionai Torres de Araújo, Jusselio Pereira dos Santos, Cláudio Kratka, Elion Alves Moreira, Fernando Cesar da Silva, Francisco Marcelo de Sousa Queiroga, José Ernesto Nino de Farias, Otoni Olímpio Júnior, Rita de Cássia Moreira da Silva, Terezinha Francisca da Silva Medeiros, Antônio José Sampaio Naziozeno.

Outros réus tiveram o processo desmembrado, por estarem aguardando a apresentação de suas respostas à acusação, quando, posteriormente, serão analisadas, podendo ser, também, deflagrada ou não a instrução criminal em face dos mesmos, que 2 Delegados da Polícia Federal, 4 Delegados da Polícia Civil de Goiás, 11 Policiais Militares do Estado de Goiás e 1 agente de Polícia Federal: são Deuselino Valadares dos Santos, Juracy José Pereira, Deovandir Frazão de Morais, Fernando Antônio Hereda Byron Filho, Antônio Luiz Cruvinel, Niteu Chaves Júnior, Hylo Marques Pereira, José Angelo Ferreira Neto, Ana Maria da Silva Souza, Antonio Carlos da Silva, Adão Alves Pereira, Geraldo Antônio de Souza Lopes, Alex Sandro Klein da Fonseca, Jairo Martins de Souza, Francisco Miguel de Souza, Marcelo Zegaib Mauad, Valdemir Rodrigues de Araújo, Milton Ferreira Biliu, Anselmo Barbosa Câmara, Vanildo Coelho, Anderson Aguiar Drumond.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.