PC-GO prende principal alvo de operação que investiga tráfico de drogas em Anápolis

Homem foi detido em Águas Claras, no DF, com arma de fogo e munições. Avó, mãe e tio do suspeito são investigados

Ao todo, há quatro membros da mesma família sendo investigados: avó, mãe, tio e o principal suspeito | Foto: Reprodução

A Polícia Civil de Goiás, por meio do Grupo de Repressão a Narcóticos (Genarc) de Anápolis, deflagrou na manhã desta quinta-feira, 22, a Operação Família do Tráfico, que investiga um esquema de tráfico de entorpecentes no município de Anápolis.

O principal alvo foi preso em Águas Claras, no DF, onde as autoridades encontraram ainda arma de fogo e munições. A mãe dele já havia sido presa outras duas vezes pela PC-GO em Anápolis no ano passado. Ao todo, há quatro membros da mesma família sendo investigados: avó, mãe, tio e o principal suspeito.

Foram cumpridos oito mandados de prisão cautelar contra os investigados e 6 mandados de busca e apreensão. Além disso, os policiais também lavraram dois autos de prisão em flagrante delito: um deles em Brasília, em razão da posse irregular de arma de fogo, quando foi apreendida uma pistola PT 9 mm e 100 munições; o outro, em Anápolis, por tráfico de drogas, quando foram apreendidos 200 pedras de crack e dinheiro – cerca de R$ 6 mil. Os policiais civis também apreenderam dois veículos.

Os investigados já são conhecidos da Polícia Civil. Alguns deles, inclusive, já foram presos em outras ocasiões. A operação teve a participação de 50 policiais civis da 3ª Delegacia Regional de Polícia (DRP) de Anápolis, 17ª Delegacia Regional de Polícia (DRP) de Águas Lindas de Goiás e também da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.