PM lança força-tarefa para reduzir criminalidade na região metropolitana

Em menos de duas horas, ação da polícia prendeu criminosos em vários bairros da metropolitana. A Operação Muralha vai até domingo, dia 13

A Polícia Militar do Estado de Goiás (PMGO) deflagrou nesta sexta-feira, 11, a Operação Muralha, cujo objetivo é proteger a sociedade goiana da criminalidade. A ação contou com cerca de 100 homens da segurança pública, incluindo efetivo das polícias especializadas, 50 viaturas e motociclistas do Giro, além do helicóptero do Graer.

Os resultados da operação começaram a surtir efeito após duas horas do início da ação policial. Durante intensificação do policiamento, as equipes que integram a força-tarefa conseguiram recapturar foragidos da justiça, além de efetuar a prisão de criminosos responsáveis pelo tráfico de drogas, furto, estelionato falsificação de documento falso (CNH) e também por porte ilegal de arma de fogo. Inclusive, a Operação Muralha, lançada na sede do Comando de Policiamento da Capital (CPC), repercutiu nas redes sociais. O efetivo da PM percorreu ruas e avenidas de Goiânia como, por exemplo, do viaduto do Complexo Viário da Jamel Cecílio, no Jardim Goiás, trecho inaugurado em dezembro do ano passado pelo ex-prefeito da cidade, Iris Rezende (MDB), e chamou a atenção dos moradores.

No Parque Tremendão, por exemplo, as equipes do Giro prenderam três homens suspeitos de tráfico de droga. Foram apreendidos com eles cerca de 10kg de maconha, balança de precisão e embalagens para armazenar os materiais ilícitos. Já na Vila Mutirão, região noroeste de Goiânia, um casal foi preso em flagrante comercializando drogas. A ação ocorreu por meio de patrulhamento pela região.

Ainda em Goiânia, as equipes de Rotam conduziram para delegacia quatro pessoas, suspeitas de realizarem furtos em residências pela região metropolitana da Capital. O fato aconteceu no Setor Perim, onde um veículo e os produtos foram apreendidos. Entre eles estão televisores, umidificador, entre outros. Em Aparecida de Goiânia, as equipes ainda efetuaram a prisão de um homem com um revólver calibre 38. A Operação muralha segue até domingo, dia 13.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.