OMS anuncia vacina de “até 100%” de eficácia contra o ebola

Vírus causou mais de 11 mil mortes só na África Ocidental; vacina de origem canadense deixou organização animada

A Organização Mundial da Saúde (OMS) anunciou, nesta sexta-feira (23/12), que uma vacina de origem canadense contra o ebola pode ter “até 100%” de eficácia. A doença vitimou mais de 11 mil pessoas na África Ocidental, onde houve um surto que durou de 2014 a janeiro de 2016.

No ano passado, cerca de seis mil pessoas receberam a vacina na Guiné — país em que foram registrados os primeiros casos da doença — e nenhuma contraiu a doença. Entre os não vacinados, houve 23 casos.

Para a vice-diretora da OMS, Marie-Paule Kieny, os resultados sugerem que “a vacina é muito eficaz e poderá ter uma eficácia de até 100%”. No caso de uma epidemia de grandes proporções, por exemplo, há 90% de chances de que a vacina — chamada rVSV-ZEBOV — tenha mais de 80% de eficácia.

Os resultados foram publicados na revista médica “The Lancet”. O cientista Thomas Beisbert, que comentou o estudo, afirmou que “finalmente, após 40 anos, temos agora a priori uma vacina eficaz contra a doença do ebola”. Nos dez dias posteriores à administração de uma dose em uma pessoa não infectada mas em contato com doentes, a eficácia é de 100%.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.