“Nunca fui do PSDB”, diz Tião Caroço, que pretende deixar a sigla na próxima janela partidária

Caroço lembrou que detêm mandato, e, sendo eleito pelo partido, não pode simplesmente deixar a sigla — caso assim o fizesse, perderia sua cadeira na Assembleia Legislativa

Deputado Tião Caroço (PSDB) | Foto: Alego

Ainda não se sabe se o prefeito de Trindade, Jânio Darrot, deixará, ou não, a direção do PSDB em Goiás. A situação do então presidente da sigla, que pediu licença do cargo, ainda é incerta. Mas este não é o único caso de instabilidade. O deputado estadual Tião Caroço, por exemplo, é uma força política que muito em breve pode deixar a bancada.

Ao Jornal Opção, Caroço lembrou que detêm mandato, e, sendo eleito pelo partido, não pode simplesmente deixar a sigla — caso assim o fizesse, perderia sua cadeira na Assembleia Legislativa. Porém, o tucano não descarta a possibilidade de alçar voo na abertura de uma possível janela partidária.

“Nunca fui do PSDB (disse o parlamentar ao se referir ao sentimento de pertencimento e não à filiação propriamente dita). Sou da Arena, do PP, de outros partidos. Vou aguardar a janela e seguir estudando a possibilidade (de migração)”, declarou.

De acordo com o (ainda) tucano, o assunto será, sem dúvidas, bastante discutido com o governador Ronaldo Caiado (DEM) — político que o parlamentar apoia e acredita. Questionado sobre a possibilidade de, se possível, acabar se filiando ao DEM de Caiado, Caroço garantiu que ainda não há nenhuma sigla na mira. Resta aguardar.

Com essa decisão, o parlamentar engrossa fila de filiados ao PSDB que devem deixar a sigla. A vereadora Dra. Cristina já, inclusive, anunciou sua candidatura à prefeitura de Goiânia pelo PL de Magda Mofatto. Além disso, especula-se a saída do também vereador da capital Anselmo Pereira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.