Número de pessoal em home office é três vezes maior no serviço público em relação ao privado

Em junho, 24,7% dos trabalhadores do setor público exerciam atividades remotas, enquanto o número do setor privado era bem mais tímido: 8%.

Crimes virtuais | Foto: Reprodução

Um pesquisa divulgada pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) mostra que o percentual de servidores públicos em trabalho remoto é três vezes a proporção dos empregados do setor privado.

Conforme mostrado pelos pesquisadores, em junho, 24,7% dos trabalhadores do setor público exerciam atividades remotas, enquanto o número do setor privado era bem mais tímido: 8%.

A pesquisa divulgada pelo Ipea foi desenvolvida em parceria com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Em relação aos meses anteriores, os relatórios mostram que, em junho, o número de pessoas do setor público trabalhando remotamente era de aproximadamente 3 milhões. O número representa cerca de 200 mil a mais do que o registrado em maio do mesmo deste ano.

Conforme mostrado pela Agência Brasil, no setor privado eram 5,7 milhões de pessoas, ou 224 mil a menos que o total estimado para maio. Segundo a reportagem, mesmo na comparação da natureza da atividade, o patamar de pessoas ocupadas e não afastadas em trabalho remoto no setor público é superior aos percentuais do privado, nos setores de serviços, comércio, indústria e agricultura.

Outro dado levantado é que a maioria das pessoas que nessas condições possuem entre 30 e 39 anos, são mulheres, com nível superior e de cor branca.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.