Nova tarifa de ônibus na Região Metropolitana será de R$ 4,50

Índice proposto pela Companhia Metropolitana de Transportes Públicos (CMTC) foi aprovada na manhã desta quarta-feira pela AGR

Foto: Reprodução

O Conselho Regulador da Agência Goiana de Regulação, Controle e Fiscalização de Serviços Públicos (AGR) confirmou, na manhã desta quarta-feira, 19, a operacionalização do cálculo do estudo tarifário que vai incidir sobre o reajuste da tarifa do transporte urbano de Goiânia e Região Metropolitana.

O índice proposto pela Companhia Metropolitana de Transportes Públicos (CMTC), após análise técnicas, foi de 1,035. Com isto, o valor da passagem de ônibus em Goiânia e Região Metropolitana passa dos atuais R$ 4,30 para R$ 4,50 em data a ser definida pela CMTC.

A AGR ressaltou que cabe ao conselho apenas convalidar os cálculos do reajuste da tarifa do transporte urbano que são elaborados pela CMTC, anualmente.

O representante da Câmara Municipal de Goiânia na Câmara Deliberativa de Transporte Coletivo (CDTC), vereador Lucas Kitão, aponta a necessidade de divisão de responsabilidades em relação ao transporte coletivo. “As cidades da Região Metropolitana de Goiânia e o Estado não dividiram o ônus. Também não foi feita a desoneração para baratear os custos e não foram implementadas receitas tarifárias”, destaca.

Para Kitão, no final, os cidadãos mais pobres e os empresários vão pagar a conta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.