Nobel de Economia premia trio por pesquisa sobre mercado de trabalho

Estudo empírico e metodológico sobre relações causais foi laureado

David Card, Joshua D. Angrist e Guido W. Imbens | Foto: reprodução

O prêmio Nobel de Economia foi entregue, nesta segunda-feira (11), a David Card, Joshua D. Angrist e Guido W. Imbens pelo estudo acerca do mercado de trabalho. A Real Academia de Ciências da Suécia considerou que os economistas melhoraram significativamente a capacidade de pesquisadores de responder perguntas de grande importância.

David Card foi premiado por contribuições empíricas para a economia do trabalho. Joshua D. Angrist e Guido W. Imbens foram laureados por estudos metodológicos para análise de relações causais.

As novas ideias dos laureados sobre o mercado de trabalho mostraram quais conclusões podem ser tiradas de experiências naturais quando se trata de causa e consequência. O trio receberá R$ 10 milhões de coroas suecas, cerca de US$ 1,1 milhão. Metade ficará para David Card e outra metade será dividida entre Joshua D. Angrist e Guido W. Imbens.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.