No aniversário de Samuel Rosa, relembre alguns dos maiores sucessos do Skank

Samuel Rosa completa 48 anos nesta quarta-feira (15/7) e, para comemorar, o Jornal Opção Online listou algumas das músicas mais marcantes da banda que ele lidera há mais de vinte anos: o Skank.

Na ativa desde 1991, a banda mineira já vendeu quase 10 milhões de CDs e DVDs em todo o Brasil. São dez álbuns de estúdio, que compilam hinos como “É Uma Partida de Futebol” e “Pacato Cidadão”. São tantos sucessos que marcaram gerações, que foi difícil deixar algumas de fora.

Confira!

Samuel Rosa lidera o Skank há mais de 20 anos | Foto: divulgação

Samuel Rosa lidera o Skank há mais de 20 anos | Foto: divulgação

In(Dig)Nação

Esta faixa é do primeiro álbum lançado pela banda: Skank (1992). In(Dig)Nação foi adotada pelos cara-pintada, movimento estudantil que marcou as manifestações pelo Impeachment do ex-presidente Fernando Collor de Mello nos anos 1990.

Pacato Cidadão

O disco Calango (1994) apresentou ao Brasil alguns dos maiores sucessos da banda. Samuel e os companheiros não abandonaram a temática social nessa produção e chamaram a atenção do Pacato Cidadão em uma música que critica a passividade do brasileiro.

Jackie Tequila

Uma das características marcantes do Skank é a versatilidade da banda, que explorou diversos estilos em seus dez discos de estúdio. Um deles é o reggae, representado principalmente por Jackie Tequila, que se consagrou como um hit da banda.

É Proibido Fumar

O Skank também fez alguns covers que ficaram consagrados. Em Calango eles gravaram uma música de Roberto e Erasmo Carlos, É Proibido Fumar. A canção, típica da Jovem Guarda, fez bastante sucesso na versão dos mineiros.

É Uma Partida de Futebol

No terceiro álbum de estúdio do Skank, o Samba Poconé (1996), veio uma das maiores músicas da banda: É Uma Partida de Futebol. Em um país apaixonado pelo esporte, a canção virou um hino nacional. O clipe tem cenas gravadas no Mineirão, estádio do Cruzeiro, time do coração de Samuel. A música é uma das tantas que surgiram da frutífera relação do Skank com Nando Reis.

Garota Nacional

Esta tem até versão em espanhol. Garota Nacional fez sucesso não só no Brasil, mas também na Espanha, onde ficou nas primeiras posições das paradas musicais por um bom tempo.

Saideira

“Comandante, capitão, tio, brother, camarada…” todo mundo gosta de Saideira, um dos grandes hits do álbum Siderado (1998), que foi mixado no Abbey Road Studios, famosos por terem sido usados pelos Beatles.

Balada do Amor Inabalável

Balada do Amor Inabalável é uma das músicas do Skank que já integrou trilhas de novelas. A canção, do disco Maquinarama (2000), foi tema do Edu (Reinaldo Gianecchini) e da Camila (Carolina Dieckmann) de Laços de Família (2000).

Dois lados

Continuando no clima romântico, Dois lados é uma das mais bonitas canções da banda de Samuel. E os versos “E o meu lugar é esse ao lado seu, no corpo inteiro” já foram tema de vários casais por aí.

Vou Deixar

Vou Deixar é o hino dos despreocupados, de quem quer levar a vida numa boa. A canção foi um hit absoluto, parte da trilha de Da Cor do Pecado (2004) e vencedora do melhor videoclipe pop no MTV Video Music Brasil de 2004.

Bônus: “Vamos Fugir” 

A música foi escrita e gravada por Gilberto Gil, mas a interpretação da banda mineira faz jus à genialidade da música.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.