Neymar denuncia racismo de zagueiro espanhol Álvaro González

Brasileiro afirmou ter sido xingado e criticou posicionamento do árbitro de vídeo

Foto: Aurelien Meunier/PSG.

Após partida na terceira rodada do campeonato francês de futebo Ligue 1, o atacante brasileiro Neymar, do PSG, denunciou racismo por parte do zagueiro espanhol Álvaro González, do Olympique de Marseille.

O brasileiro deu um tapa na cabeça do adversário e, por isso, levou um cartão vermelho. Fora do campo, ele afirmou às câmeras que o espanhol foi racista e que o juiz não fez nada a respeito situação.

Pelo Twitter, Neymar explicou que Álvaro González o chamou de “macaco filho da p*ta”. O brasileiro criticou o árbitro de vídeo por ter visto a sua reação e não a ofensa recebida.

Sem citar o atacante do PSG, Álvaro González escreveu que “não existe lugar para o racismo”. Na legenda de uma foto ao lado de colegas do Olympique, vários deles negros, o zagueiro espanhol disse: “Carreira limpa e com muitos companheiros e amigos no dia a dia. Às vezes, é preciso aprender a perder e assumir isso dentro de campo”. O Olympique venceu o PSG por 1 a 0 no Estádio Velódrome, em Marselha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.