Nas redes sociais, políticos lamentam morte de Paulo Garcia

Ex-prefeito de Goiânia do PT morreu neste domingo (30/7) vítima de infarto

Personalidades da política goiana se voltaram às redes sociais para prestar as últimas homenagens ao ex-prefeito de Goiânia Paulo Garcia (PT), morto neste domingo (30/7) vítima de um infarto. Pelo Twitter, Facebook e Instagram, políticos destacaram não apenas a trajetória do petista como prefeito e deputado estadual, mas também sua atuação como médico e aspectos pessoais da índole e temperamento de Paulo Garcia.

O governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), disse que o petista era seu amigo e decretou luto oficial de três dias. “Lamento profundamente a morte do ex-prefeito de Goiânia e amigo Paulo Garcia. Somos solidários aos amigos e família neste momento de dor .Paulo Garcia teve carreira reconhecida como médico e na política trilhou caminho de liderança e retidão. Sempre tivemos relação respeitosa”, escreveu em suas redes sociais.

Já o prefeito de Goiânia, Iris Rezende (PMDB), de quem Paulo Garcia foi vice entre 2005 e 2010, cancelou sua agenda para este domingo e decretou luto oficial no município. “Neste momento de profunda tristeza, manifestamos nossa solidariedade à família e aos amigos”, disse o prefeito Iris.

A primeira dama Dona Iris também expressou consternação pelas redes sociais. “Lamento e envio condolências a família de Paulo Garcia pelo seu prematuro falecimento. Que Deus os conforte”.

O atual secretário de Planejamento Urbano e Habitação e vice-prefeito de Paulo Garcia, Agenor Mariano (PMDB) também lamentou a morte do ex-prefeito. “Peço a Deus que conforte Dra.Tereza, os filhos e toda família”.

As presidentes do PT estadual, Kátia Maria, e do PT municipal, deputada Delegada Adriana Accorsi, também divulgaram pesar pela morte do ex-prefeito.

“O Partido dos Trabalhadores lamenta a partida de um de seus líderes. Falamos essa semana e ele se colocou à disposição do partido. Vá em paz meu companheiro…”, diz nota do PT de Goiás

“Nosso respeito por sua trajetória de luta pela democracia e pela justiça social. Seu legado permanece na memória e em cada canto de nossa cidade em sua bela atuação como profissional de medicina”, escreveu Adriana Accorsi.

O deputado estadual e presidente da Assembleia Legislativa de Goiás, José Vitti (PSDB) decretou luto oficial por três dias e determinou que as bandeiras sejam hasteadas a meio mastro no Palácio Alfredo Nasser em decorrência do falecimento do ex-deputado estadual e ex-prefeito de Goiânia, o médico Paulo Garcia. Em nota de condolências, José Vitti lamentou o passamento e manifestou solidariedade aos amigos e familiares de Paulo Garcia.

“Paulo Garcia foi um político determinado, ético e idealista. Seu legado será sempre lembrado . Hoje acordamos entristecidos”, escreveu o deputado estadual Luis César Bueno (PT).

Deputados federais goianos também lamentaram a morte de Paulo Garcia. “Uma perda enorme o falecimento de Paulo Garcia. Meus sentimentos à família e amigos e que Deus conforte a todos. Descanse em paz, amigo. Ainda é difícil acreditar. Tão novo, Paulo Garcia mostrava grande vigor. Havíamos nos falado há poucos dias. Muito triste…”, escreveu Daniel Vilela (PMDB) no Twitter.

Fábio Sousa, do PSDB, também lembrou do ex-prefeito. “Meus sinceros sentimentos a família do prefeito Paulo Garcia. De campos opostos, sempre educado e solicito comigo. Que Deus console a todos!”, escreveu.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.