“Não vejo sentido em furar cronograma ou parcelar”, diz Major Araújo sobre salário dos servidores

Deputado se posicionou sobre possível medida de Caiado e justificou diferença de postura em relação a governos peessedebistas

Foto: Divulgação

O deputado estadual Major Araújo (PRP), contatado pelo Jornal Opção, disse que tem posicionamento claro em relação às negociações do salário de dezembro dos servidores. Mas reiterou que sua indignação ainda não pode ser colocada na mesma medida que na época dos governos do PSDB.

Ele afirma que é contra o parcelamento e que, embora o atraso seja justificado, o cronograma tem que ser cumprido. “Não vejo sentido em furar isso, quem deve é o Estado, não o governador”, disse em referência ao anseio do governo em dividir o pagamento do salário devido.

Um servidor da Polícia Militar publicou um vídeo nas redes sociais cobrando um posicionamento do deputado. “Se fosse o Marconi ou o Zé Eliton, o senhor estava batendo, não tem desculpa que pegou o Estado quebrado, nós não trabalhamos nem para eles e nem para o Caiado, trabalhamos para Goiás”, disse.

Major, que apoiou a candidatura do governador Ronaldo Caiado (DEM), respondeu que isso é mais complexo do que como é colocado pelo servidor. “Nos governos anteriores nós víamos esses atrasos acontecendo e, ao mesmo tempo, denúncias de desvio de dinheiro, excesso de comissionados, sabíamos que era um governo corrupto”, explica.

Segundo ele, seus posicionamentos eram mais exaltados por isso. “Seria injusto eu ter a mesma postura com um governo que acabou de começar, não tem nem como eu responder esse tipo de declaração, porque é uma questão de raciocínio”, pontuou.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Vivian

Infelizmente, a realidade vivenciada pelos trabalhares é de descaso e desrespeito, os servidores dependem dos salários para subsistência, o governador deve cumprir o conograma. Este “estica e puxa” do governo esta colocando-o como incompetente, após 20 anos de salários em dia, a população não aceitará estas “manobras” para queimar a administração anterior! Goiás-Vergonga Nacional! Sem fé na política!

Benedito dabadia lopes

O interesse do ronaldo caiado de pagar janeiro e parcelar dezembro e so pra dizer qie o governo anterior deu o calote nos servidores maa quem esta querendo dar calote e ele pois o governo anterior quitava aa folhas ate dia 10 se tem dinheiro pra pagar janeiro porque nao paga dezembro eo janeiro no dia 10 de fevereiro isto pra min nao passa de manobra política mas nao vai colar pois nos servidores estaremos de olho bem aberto e so lembrando 4 anos passa muito rapido

Jardel

Esse cidadão que se diz político e mau caráter. Ele é a turma desse cágado tem que trazer e solução e n ficar só como balela

renato

Todos que assumem uma administração anterior, assumem as contas bagunçadas, mas sempre honram com o funcionalismo, basta colocar eles como prioridades. Tem que largar de política e pensar no povo, isso está na cara que é uma jogada politica.

Renato santana

Velha política dos Caiados…

Reginaldo

Realmente, em anos anteriores o salário atrasava, e a informação tecnológica também. Hoje é diferente, os nossos dados estão atualizados : na Saneago, Eneal, Minha Oi, etc.Eles não querem nem saber se o salário está atrasado, simplesmente bloqueiam o serviço.Me explica como o servidor vai viver se depende desse rendimento? Como vou cumprir com minhas obrigações? O governo vai prorrogar as contas de luz, água e telefone ? Sem contar com IPTU, IPVA. …

Jean siqueira

não interessa se a folha de dezembro é do governo anterior, comomo Ronaldo caiado entrou nessa de assumir o estado como governador, que se vire e busque alternativas para pagar os funcionários públicos,ele já sabia que iria assumir o estado com déficit, então agora é a hora de Ronaldo caiado retribuir ao povo goiano a confiança que foi depositada na sua pessoa!

Durval

Tem arrecadação até o dia 30(IPVA). Como que os Governos vanterioees pagavam.? Ah! Começou assim, imaginem daqui a 4 anos. Muito engraçado, há 20 anos a arrecadação nan davam e pagavam. Como? Ahaha. Péssimo comeco.

Durval Barbosa de Araújo

Como pagará janeiro em fevereiro de arrecada somente a metade? Outros governos pagaram como? Um. Ahaha.

Carlos

O governador Ronaldo Caiado está dizendo em calote do governo que saiu!
Calote e do senhor Governador Ronaldo caiado de não querer pagar a folha de Dezembro integral, querendo parcelar em oito vezes, vai parcelar SUPERMERCADO empréstimos, QUE temos para descontar em folha, escola, energia e água.. E ainda traz gente lá do Rio de Janeiro para o Goiás, para fazer parte de seu governo, olha a situação do Rio….. Estado que a moioria dos políticos LOCAL destruíram, Roubaram os cofres públicos.

Andréa

A MAIORIA DOS COMENTÁRIOS ESTÃO DE PARABÉNS! FORAM 20 ANOS DE PAGAMENTOS EM DIA. TUDO O QUE ESTÁ ACONTECENDO AGORA É MANOBRA POLÍTICA COVARDE E FALTA DE RESPEITO COM SERVIDOR PÚBLICO.

Thiago Oliveira Martins

E o FUNDEB? O Jornal não vai fazer uma reportagem sobre a situação do fundo?

Irivane Martins Tavares

O Caiado jamais se equipara a competência do Marconi que recebeu o Estado do Iris Rezende com rombo nas contas e o governo federal confiscou o que havia nos cofres. Apesar disso, em tempo recorde ele pos o pagamento em dia e logo nos deu correção de salário, pelo menos pras polícias.

Marcelo dias dos Santos

Eu não sei de que lado o magor Arrajio está se do lado Ronaldo caiado ou contra tá?Porque está muito claro que o Ronaldo caiado já pegor o governo .com rombor de bilhões de dívidar que o outro governo deixou agente já acabaihando os fatos e que divida já enxistia o governador caiado falou isso isso o tempo todo antes dele tomar posser das dívidas o outro governo está deixando tá ?,ele não tem culpa ser todos os focionario não recebeu os salários atrasados que o governo anterior não fez o pagamento deles né “o que ele tem fazer e… Leia mais

Preto Hycaro

Caiado, sempre o mesmo Coronel… é rico e acha que só por isso os servidores trabalham, sem remuneração… No governo de Leonino tbm era assim… os servidores viviam envergonhados pelo constante atraso… o Coronel voltou e com ele a velha política…

Eliana Leão Veloso

E ultrajante ver as os candidatos que elegemos confiando que teríamos mudanças pra melhor trabalhei 35 anos na área da educação com deficientes hoje aposentada dependo mensalmente do salário que aposentei a 10 anos vi várias notícias a respeito do pagamento de dezembro que será parcela do que vai pagar janeiro primeiro agora mais uma que quem ganha salários maiores serão pagos até dia 10 pois foi o dinheiro que ficou em caixa pra pagar agora eu pergunto eles são melhores que a gente só porque trabalham no Executivo Legislativo Judiciário nos não temos que comprar alimentos pagar aluguel água… Leia mais

Oscar Gomes

O parcelamento de salários é uma vergonha também para esse (novo) governo. Minhas dívidas já estão parceladas. Não tem como reparcelar. Sem falar o desconforto de não saber se iremos ou nao receber.

Agustervina Jose de Araujo

Aos militantes do Estadode Goiás: como os professores irão se alimentar, pagar Luz, água, telefone, internet e. IPTU, comprar remédio se o miserável salário que recebe como professor ou administrativo, está em atraso. Veja com muito cuidado esta questão, pois nada justifica o nao pagamento da folha de Dezembro., até porque nao trabalhamos para governos e sim para o Estado de Goiás! Votei para o atual Governador, mas não apoio esta atitude desumana

Cleber

Major Araújo, em que pese seu ponto de vista moderado, tem que decidir de que lado está. Ter apoiado Ronaldo Caiado durante a campanha não o isenta de cobrar dele o pagamento devido. Fato é que, bem ou mal, os pagamentos vinham sendo realizados. Quem está anunciando calote antecipado é o Governador eleito.

Rodrigo

Impeachment nele!

valter Ananias

assim como votamos nele, na proxima votaremos em outro, muito facil. prepara caiado

Kenia

O pior não é só o atraso ou o parcelamento do nosso salário, e sim, ele pagar os altos salários do poder judiciário, que com certeza ele já os deu o “cala boca”. Nesse momento o MP não aparece e nem dá nenhum esclarecimento pra quem trabalhou e passou as festas de fim de ano sem nada. Quem vai justificar as contas atrasadas. Deixa o comércio começar a sentir, e quem tem muito vai chorar , aí veremos o dinheiro aparecer e junto o salvador da Pátria.

Márcia de Paiva

Concordo plenamente com a afirmação de que NÃO SOMOS FUNCIONÁRIOS DE GOVERNO NENHUM e sim FUNCIONÁRIOS DO ESTADO DE GOIÁS os governantes são nossos representantes legitimados através do voto. Por tanto somente desejamos sermos tratados com um mínimo de dignidade e manter nossos direitos constitucionais garantidos pela nossa constituição. Como qualquer outro cidadão.

Edinita Cardoso Silva

Eu só gostaria de saber dos senhores deputados quando haverá o pagamento dos salários referente ao mês de dezembro de 2018 pois nos servidores temos nossos compromissos para pagar como aluguel, condomínio, luz,Telefone e a alimentação. . Outra coisa eu gostaria de saber quando será pago abonu de permanência pois já estou aposentada da Secretara de Educação há dois anos e até agora estou aguardando.