Não será surpresa se Galo Carijó eliminar equipe da Serrinha no Goianão

Para isso, Goiânia precisará conquistar bom resultado no sábado, 30, no Estádio Olímpico, e chegar ao jogo da volta, no estádio do Goiás, com vantagem

Goiânia Esporte Clube Goianão 2019 - Foto Goiânia EC

Galo, que há 11 anos não disputava a elite do estadual, está de volta, e em grande estilo, realizando bons jogos até aqui | Foto: Goiânia E. C.

Cilas Gontijo

O Campeonato Goiano de 2019 chega às semifinais com os três principais times da capital – Goiás, Vila Nova, Atlético – e a presença de um velho conhecido que há 11 anos não jogava a primeira divisão do estadual: o glorioso Goiânia.

Goiás e Vila Nova passaram pelas quartas-de-final jogando um futebol muito abaixo do esperado, que não causa euforia em seus torcedores para o Brasileirão. O Verdão se prepara para a volta à Série A e o Tigrão segue na segunda divisão. Ao contrário dos seus rivais, o Dragão tem enchido de esperança sua torcida, que já pensa em uma possível subida para a elite do Campeonato Brasileiro em 2020.

O Goianão deste ano entra para a história antes mesmo de terminar. Tudo isso porque jamais ocorreu de estarem juntos os quatro times da capital em uma semifinal. O Galo, que há 11 anos não disputava a elite do estadual, está de volta, e em grande estilo, realizando bons jogos até aqui.

A equipe do Goiânia conta com um bom treinador – aliás, o melhor técnico da competição: Arthur Neto -, que tem realizado um excelente trabalho, o que não é surpresa para ninguém. Essa é a marca de Arthur Neto por onde passou. No Galo não tem sido  diferente. O profissional montou um bom elenco, composto por alguns jogadores conhecidos, como é o caso do goleiro Márcio.

A chegada à semifinal garantiu ao time uma vaga na Série D do ano que vem. Com calendário cheio, sua torcida pode esperar um bom time. O Galo Carijó quer cantar alto em casa e fora.

Goiânia Esporte Clube Goianão 2019 1 - Foto Goiânia EC

Goiânia empatou por 1 a 1 com Goianésia no Olímpico na ida das quartas-de-final, mas foi ao Vale do São Patrício buscar a classificação com o placar de 3 a 2 sobre o Azulão | Foto: Goiânia E. C.

Pentacampeão goiano
O Goiânia é um time de tradição do Estado. Foi pentacampeão goiano (1950-1954). Em 1953 e 1954, os títulos vieram forma invicta. O time emplacou a artilharia do Goianão por três anos consecutivos, de 1951 á 1953, com seu principal jogador, que jamais será esquecido: Foca.

Com 14 títulos estaduais, o alvinegro quer surpreender e aumentar o número de troféus este ano. E não duvide, pois o Galo quer voar alto na reta final. Sábado, 30, às 16 horas, o Goiânia enfrentará o todo poderoso Goiás e tentará surpreender o Verdão para garantir um bom resultado no Estádio Olímpico, já que o segundo jogo será dia 6 de abril, também às 16 horas, no Serrinha, casa do adversário.

Passando pelo Goiás, o Galo Carijó chegará à final da competição. Não será nenhuma surpresa se isso acontecer pelo futebol apresentado até aqui, principalmente contra o Goianésia nas quartas de final.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.