Na véspera do Dia da Mulher Negra, Câmara dos Deputados faz projeções de imagens na cúpula

No Senado, Eliziane Gama (Cidadania-MA) apontou que data é uma oportunidade para que país discuta meios de superar “injustiças históricas” contra mulheres negras

Foto: Reprodução.

No dia 25 de julho é celebrado o Dia Internacional da Mulher Negra Latino-Americana e Caribenha e o Dia Nacional de Tereza de Benguela e da Mulher Negra. Em homenagem, a cúpula da Câmara dos Deputados recebeu, na noite desta sexta-feira, 24, uma projeção de imagens de mulheres negras brasileiras.

A projeção foi sugerida pela bancada do Psol e ocorreu das 19h às 20h. Após as projeções, a Câmara voltou a ficar iluminada de verde, em apoio à campanha de conscientização para prevenção da Covid-19.

No Senado

A senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA) apontou que a data é uma oportunidade para que o país discuta meios de superar “injustiças históricas” contra as mulheres negras.

“Essa data é de extrema importância. Neste dia 25 de julho há pouco o que se comemorar e muito para se refletir e agir contra essa imensa injustiça social que vivemos no Brasil” destacou a parlamentar.

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), as mulheres pretas e pardas são 66% das vítimas de homicídio. Os dados são do Fórum Brasileiro de Segurança Pública. Estudo da organização mostra que a taxa de homicídios de mulheres negras cresceu 30% entre 2007 e 2017, índice mais de seis vezes superior ao registrado entre mulheres brancas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.