Na Austrália, governo busca ‘espelho’ para o Programa Inova Goiás

Governo australiano demonstrou interesse em aprofundar relações comerciais com o Brasil, em busca de uma menor dependência do mercado chinês

Em busca de acordos bilaterais para compartilhamento de projetos e investimentos em tecnologia e mordernização, o governador Marconi Perillo e sua equipe, deram início na manhã desta segunda-feira (15/2) a uma série de reuniões e visitas que fazem parte das missão oficial na Oceania.

O primeiro compromisso foi no estado de Nova Gales do Sul, onde fica a capital do País, Sidney. Acompanhado do presidente da FIEG, Pedro Alves, e de empresários goianos, o governador foi assistir ao lançamento da Central de Inovação de Sydney, programa semelhante ao Inova Goiás.

A proposta do centro de inovação é de um programa no qual o poder público, as universidades e o setor produtivo desenvolvam uma colaboração no sentido de ampliar investimentos para pesquisas e desenvolvimento de diversos setores da atividade econômica e social, sempre voltados para o pioneirismo e a competitividade.

“Esta busca por inovação é exatamente o que nós pretendemos para Goiás. Já estamos construindo as bases do que chamamos de um novo momento competitivo de nosso estado e agora queremos buscar a interrelação colaborativa com programas semelhantes em diversos países que investem em inovação e tecnologia”. Para o governador, as empresas do futuro serão atraídas por um ambiente de inovação permanente – muito além de atrativos naturais e incentivos fiscais.

Durante o encontro da comitiva goiana com a a comissão de comércio do Governo Australiano (AUSTRADE), ficou claro o interesse do País em diminuir sua dependência do mercado chinês, se aproximando principalmente da Alemanha, na Europa e do Brasil, nas Américas.

Um grupo de técnicos da AUSTRADE será recebido pelo Governo de Goiás junto com FIEG, FAEG e Fórum Empresarial. Vão iniciar um projeto de aproximação comercial que pode transformar a Austrália em porta de entrada para os produtos goianos na Ásia, como incentivar as relações da Austrália com as Américas e África através do Brasil.

Marconi e comitiva permanecem na Austrália na terça feira, quando será realizado um seminário sobre Goiás para empresários e investidores australianos. Mais de 70 empresas confirmaram presença e interesse sobre Goiás. Segundo o embaixador, Carlos de Abreu, Consul Geral do Brasil e Sydney, será a primeira ação de um estado brasileiro em busca de relações bilaterais com a Austrália. “Goiás está chegando primeiro”, disse o embaixador. (Com informações Gabinete Imprensa)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.