A Polícia Civil informou que o depoimento do médium não será nesta semana, pois ainda há diligências sendo realizadas 

Foto: Divulgação

A mulher do médium João de Deus, Ana Keyla Teixeira Lourenço, de 40 anos, deve prestar depoimento, na tarde desta quarta-feira (26), na Delegacia de Proteção À Criança e ao Adolescente (DPCA), em Goiânia. Ela que é mãe da filha mais nova do médium vai ser ouvida pelo pela delegada Paula Meotti. A informação foi confirmada pela Polícia Civil.

Já o depoimento de João de Deus, denunciado por centenas de mulheres por abuso sexual, não deve ocorrer nesta semana. De acordo com a Polícia Civil ainda há diligências sendo realizadas, incluindo oitivas de testemunhas.

O médium está preso no Núcleo de Custódia, no Complexo Prisional Aparecida de Goiânia, desde o último dia 16. Ele teve o pedido de habeas corpus negado, liminarmente, pelo Tribunal de Justiça de Goiás (TJ-GO) e pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ) e a defesa entrou com novo recurso no Superior Tribunal de Justiça (STF).