MP elabora ações de combate à violência sexual em comunidades quilombolas de Cavalcante

Atividades com jovens estudantes e pais de alunos de escolas da região compõe o plano do Ministério Público.

Foto: Reprodução.

 

Os coordenadores das Áreas de Infância, Juventude e Educação e de Políticas Públicas e Direitos Humanos do Centro de Apoio Operacional do Ministério Público de Goiás reuniram com representantes de diversas instituições parceiras, para a definição de um projeto a ser desenvolvido no município de Cavalcante, no Nordeste goiano. A proposta, apresentada pelos coordenadores da Infância, Cristiane Marques, e dos Direitos Humanos, André Luís Ribeiro Duarte, terá enfoque no combate à violência sexual.

A ideia é a realização de palestras, a serem ministradas em escolas das comunidades quilombolas, com ênfase na prevenção e combate à violência sexual. Pretende-se que duas palestras aconteçam de forma simultânea, uma voltada para os alunos e outra para pais e público externo.

Previamente a cada visita, serão mapeadas as necessidades da comunidade e cadastrados os interessados para facilitar o direcionamento dos atendimentos, em um mutirão final que está sendo programado.

Integrarão o projeto o Tribunal de Justiça de Goiás, a Defensoria Pública do Estado, a Polícia Civil, a Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social e o Conselho Estadual da Mulher (Conem)

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.