Movimentos que pedem fim da quarentena organizam buzinaço em cidades goianas

Ato deve acontecer em vários Estado. Em Goiás, buzinaço está marcado pelo menos em Goiânia e Goianésia. Mobilização vai contra recomendações e ações do resto do mundo

reprodução

Enquanto as medidas de isolamento social seguem em vigor em todo o mundo, o Brasil começa a registrar organização de movimentos que pedem o fim da quarentena. A mobilização marcada em vários Estado para a tarde desta sexta-feira, 27, deve acontecer em Goiás pelo menos na capital e em Goianésia.

Nas imagens que circulam por Whatsapp, o movimento de Goianésia defende: “Vamos nos manifestar a favor da reabertura do comércio local”.

Mobilização para ato de Goiânia

A recomendação do ministério da Saúde e da Organização Mundial da Saúde (OMS) é por manter o isolamento como forma mais eficiente de controle da pandemia que triplicou em 10 dias, chegando à 530 mil contaminados no mundo nesta quinta-feira, 26

Sem real dimensão do número de casos, o Brasil pode ter atualmente cerca de 20 mil casos da doença. Na Itália, em um mês e meio o registro do número de mortos ultrapassa 8 mil, faltando caixões para os corpos, que não podem ser velados.

Em reunião emergencial dos G20 realizada na quinta, o grupo de países mais ricos do mundo, com participação do Brasil, líderes pediram a manutenção do isolamento social, prometendo investir cerca de R$ 5 trilhões na economia mundial.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.