Morre em acidente jornalista argentina que cobria jogo da Copa

Maria Soledad Fernandes seguia de São Paulo para Belo Horizonte após cobertura da partida entre Argentina e Suíça realizada nesta terça-feira

Reprodução

Reprodução

Uma jornalista argentina morreu na madrugada desta quarta-feira (2/7) em um acidente na BR-381, no município de Oliveira, Centro-Oeste de Minas Gerais. Acompanhada de dois colegas de profissão, Maria Soledad Fernandes, de 26 anos, seguia de São Paulo para Belo Horizonte após partida entre Argentina e Suíça, realizada nesta terça-feira, no Itaquerão.  A jovem é filha de um importante jornalista esportivo do país, Titi Fernandez, que também estava no Brasil cobrindo a Copa do Mundo Fifa 2014.

De acordo com relatos colhidos pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), um automóvel  com placa de São Paulo teria se chocado com a traseira do carro das vítimas, causando capotamento. Após o impacto, o veículo caiu em uma ribanceira de aproximadamente seis metros de altura.

O automóvel do motorista suspeito de ter batido no carro da equipe de reportagem foi localizado num posto de gasolina, próximo ao local do acidente. Os dois homens que ocupavam o automóvel foram detidos e serão ouvidos pela polícia de Minas Gerais.

Os jornalistas Fernando Javier Bruno, de 44 anos, e Juan Daniel Berazagueti, de 42, tiveram ferimentos, mas não correm risco de morte. Maria Soledad, que morreu no local, foi encontrada na lateral da pista e, ao que tudo indica, foi arremessada para fora do veículo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.