Minist├®rio P├║blico mais que triplica or├ºamento para Lava Jato em 2018

Recursos são destinados, sobretudo, para custear gastos com diárias e passagens de procuradores e servidores

O procurador-geral da Rep├║blica, Rodrigo Janot, durante reuni├úo do Conselho Superior do Minist├®rio P├║blico Federal | Foto: Marcelo Camargo/Ag├¬ncia Brasil

O Conselho Superior do Minist├®rio P├║blico Federal (CSMPF) decidiu nesta ter├ºa-feira (25/7) ampliar a proposta inicial de or├ºamento de 2018 para a for├ºa-tarefa da Opera├º├úo Lava Jato em Curitiba, de R$ 522,6 mil para R$ 1,65 milh├úo. Os recursos s├úo destinados, sobretudo, para custear gastos com di├írias e passagens de procuradores e servidores.

Para se atingir esse valor, foram retirados recursos de outras ├íreas do Minist├®rio P├║blico Federal (MPF), sendo reduzidos o or├ºamento para concursos e o reajuste dos valores de di├írias. A medida foi proposta pelo vice-procurador-geral da Rep├║blica, Jos├® Bonif├ício de Andrada, relator do or├ºamento do MPF, atendendo integralmente o que havia sido solicitado pelos procuradores em Curitiba.

Bonif├ício afirmou que a medida visa enviar uma mensagem positiva para a sociedade e a m├¡dia, bem como ÔÇ£garantir a seguran├ºaÔÇØ da atua├º├úo da for├ºa-tarefa, tendo em vista o ÔÇ£interesse p├║blicoÔÇØ.

A proposta foi aprovada por decisão unânime dos 11 conselheiros do CSMPF, que seguiram orientação positiva dada por Raquel Dodge, que assumirá o comando da Procuradoria-Geral da República (PGR) a partir de setembro e passa a ser responsável pela gestão do orçamento.

ÔÇ£Essa seria realmente uma indica├º├úo muito positiva. Acho realmente um bom sinal, uma boa sinaliza├º├úo, que demonstra a todos que o Minist├®rio P├║blico n├úo abre m├úo das investiga├º├Áes em curso na Lava JatoÔÇØ, concordou o atual procurador-geral da Rep├║blica, Rodrigo Janot.

Na semana passada, Raquel Dodge enviou um of├¡cio┬áquestionando┬áa redu├º├úo do or├ºamento da Lava Jato na proposta inicial apresentada por Janot, que era de R$ 522 mil. Em resposta, Janot negou que tivesse reduzido os recursos para a┬á opera├º├úo, afirmando que o or├ºamento inicial serviria como base referencial, podendo ser objeto de suplementa├º├Áes, como de fato ocorreu com o or├ºamento deste ano, inicialmente de R$ 501 mil e posteriormente ampliado para R$ 1,2 milh├úo. (Com Ag├¬ncia Brasil)

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.