Ministério da Saúde diz em rede social que não existe remédio para prevenir Covid-19, mas apaga post

Presidente Jair Bolsonaro apoia desde o início da pandemia uso de hidroxicloroquina para combater doença

Post no Twitter do Ministério da Saúde que logo foi apagado. │ Foto: Reprodução / Portal G1

O Ministério da Saúde publicou em seu Twitter nesta quarta-feira, 18, que não existem remédios ou outras substâncias que curem ou previnam a Covid-19. A postagem ainda acrescentou que  a “maior ação” contra o vírus são o isolamento social e a adoção de medidas de proteção pessoal. Após cerca de uma hora, a publicação foi apagada.

O post do ministério era uma resposta a uma usuária que comentou um texto da pasta. Este texto falava sobre a importância de a população procurar uma unidade de saúde após identificar sintomas da doença.

Entretanto, a postagem vai contra os métodos de enfrentamento defendidos por Jair Bolsonaro. O Presidente da República defende, desde o início da pandemia de Covid-19 no Brasil, o uso da hidroxicloroquina no tratamento da doença, alegando que a substância ajudava o paciente a se curar, mesmo sem provas científicas que sustentassem a afirmação.

Além disso, Bolsonaro sempre se posicionou contra as medidas de isolamento social promovidas por governos estaduais e municipais. O Presidente ainda promoveu aglomerações em diversos pontos do Brasil, ao sair em passeios e visitar municípios ao redor do País.

[Esta matéria conta com informações do Portal G1]

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.