Ministério da Justiça lança programa de Segurança Pública nacional em Goiás na próxima semana

Goiânia receberá a primeira edição do Senasp Itinerante no Brasil. A Iniciativa partiu de deputado Major Vítor Hugo

Senasp Itinerante tem primeira edição lançada em Goiânia | Foto: Ministério da Justiça e Segurança Pública

Nos dias 5, 6 e 7 de outubro, o Ministério da Justiça e Segurança Pública, por meio da Secretaria Nacional de Segurança Pública, realizam em Goiânia o piloto do Senasp Itinerante. O programa do governo federal tem o intuito de aproximar a secretaria dos órgãos de segurança dos Estados, trocar experiências, compreender as demandas e fornecer o que for necessário para o fortalecimento das forças policiais.

O evento ocorre na Academia de Polícia Militar de Goiás – Conde dos Arcos, a partir das 15h da próxima terça-feira, 6. Participarão o Secretário Nacional de Segurança Pública, Carlos Paim, diretores e coordenadores da Senasp, secretários de segurança pública, comandantes gerais das Polícias Militares, comandantes do Corpo de Bombeiros Militar, delegados de Polícia Civil, dirigentes gerais das Perícias Oficiais, entre outras autoridades da área.

O responsável pelo programa dar seus primeiros passos no Estado de Goiás é o deputado estadual Vitor Hugo (PSL). Ao Jornal Opção, ele contou que quando o secretário, Carlos Paim, comentou do Senasp Itinerante, tinha o objetivo de iniciar na região Centro-Oeste pelo Mato Grosso ou Mato Grosso do Sul.

“‘Por que não em Goiás?’, eu perguntei. Consegui convencer ele a fazer em Goiânia. Como é mais próxima do Distrito Federal, logisticamente, para ele, também é melhor fazer aqui o primeiro evento e tirar todas as lições aprendidas e levar para outras regiões”, falou o parlamentar.

“Todo o trabalho da Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros, Polícia Técnico Científica e a Penal nossa, as Guardas Municipais, tem feito ao longo dos últimos anos têm chamado atenção. [Ele aceitou] Pelo reconhecimento do trabalho que os nossos profissionais da segurança pública tem feito. Então acho que casou a logística, a parte operacional e a parte política, e conseguimos trazer para Goiânia”, disse.

Ele explicou que o projeto de Paim é visitar as regiões do país para receber informações e também passar informações sobre os produtos e sistemas que a Senasp disponibiliza.

“O Ministério da Justiça, por meio da Senasp, tem uma série de políticas públicas, projetos e programas que os Estados, por meio de seus órgãos de segurança pública, e os municípios, por meio da guarda municipal, podem aderir integrando informações e apresentando projetos para aquisição de material”, informou.

Equipamentos

De acordo com Major Vitor Hugo, entre os materiais para aquisição, estão inclusos armamentos, munições, calibres diversos, ônibus, viaturas, equipamentos de rádio, equipamentos de proteção individual (capacete, colete), optrônicos, que são assessórios de miras para armamentos.

“Tudo isso, além das políticas públicas e equipamentos, a Senasp tem disponível e muitas vezes os Estados por estarem distantes do Distrito Federal, de Brasília, não tem conhecimento, não sabem como pedir, cadastrar, realizar os projetos”, contou o parlamentar.

“Além do orgulho de ter a primeira edição do Brasil na nossa Capital, Goiânia, e tenho certeza absoluta que vamos conseguir sair dessa atividade com produtos palpáveis, frutos dessa interação. Se Deus quiser, equipamentos novos, novos projetos para ajudar a população nessa área de atuação governamental que é tão difícil, que é a Segurança Pública.”

Segundo ele, órgãos de segurança pública do DF, MT e MS também estarão aqui para realizar essa integração e o mesmo deve se repetir em todas as regiões dos país. “Quando eles retornarem para a Senasp com essa visão dos problemas nacionais, ele vai conseguir criar políticas gerais para todo país e também customizar e particularizar as políticas”, afirmou.

Investimentos

Segundo Vítor Hugo, o governo federal tem sido parceiro do Estado de Goiás na Segurança Pública, investindo recursos sempre que solicitado. “Posso destacar os que eu fiz por meio de emendas parlamentares. Enviei R$2 milhões para o Corpo de Bombeiros, para mobiliar caminhões de combate a incêndios no Nordeste Goiano. Mandamos recursos para aquisição de armamentos, para o BOPE e também para o GT-3”, citou o parlamentar.

“Ao todo indiquei mais de R$6 milhões, sendo que esses recursos foram todos espalhados para Bombeiros, PM, Polícia Civil e para a PRF construir a sede, enviamos R$500 mil. Só nas Guardas Municipais foi R$1,2 milhão para ajudar”, apontou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.