Miguel Vilela reafirma que não vai assumir assessoria da SIC

Filho de Maguito deve acompanhar o secretário Joel Sant’Anna Braga em outra agenda em Aparecida de Goiânia

Após novamente ter seu nome citado como futuro assessor da Secretaria de Indústria e Comércio (SIC) de Goiás, a ser nomeado a partir de dezembro, Miguel Vilela voltou a negar que assumirá cargos públicos em um futuro próximo. No domingo, 15, o caçula de Maguito Vilela já havia negado ao Jornal Opção a pretensão de integrar a equipe da SIC oficialmente.

Os boatos surgiram devido à presença constante do jovem de 20 anos em agendas do titular da SIC, Joel Sant’Anna Braga. Segundo Miguel, os encontros são apenas a título de aprendizado. Ele se prepara, inclusive, para uma próxima agenda, a ser realizada nesta quinta-feira, 18, com o secretário – um almoço com empresários de Aparecida de Goiânia.

“Como é relacionado à minha área [o jovem estuda Administração na Universidade de Brasília], é sempre uma boa oportunidade andar com o secretário e aprender sobre gestão na prática, mas nada oficial. Inclusive, sempre acompanhei meu pai, meu irmão [Daniel Vilela, presidente estadual do MDB] e alguns outros secretários em eventos”, explica Miguel.

Procurado pelo Jornal Opção, Joel Sant’Anna Braga reforçou que o trabalho realizado por Miguel atualmente é voluntário e acrescentou que uma futura nomeação do caçula de Maguito não dependeria somente dele.

“O trabalho voluntário de Miguel ocorre nos dias que ele tem tempo livre dos estudos. Essa nomeação, para ocorrer, não dependeria somente da SIC, porque ele é do MDB e tem toda uma composição partidária [Joel é filiado ao PP do irmão Alexandre Baldy, presidente do partido]. Além disso, não dependeria só de mim. A nomeação dele vai ser decidida lá na frente, depois que ele concluir a faculdade. Se ele for ser nomeado, vai ser indicado pelo MDB. Caso isso ocorra, vai trabalhar comigo, mas não sou eu quem vai pedir sua nomeação, ou que eu vá fazer a nomeação dele, porque isso depende de vários fatores”, disse Joel.

Atualmente, o caçula de Maguito tem previsão de conclusão e colação de seu curso na UnB para julho de 2023. Tanto Miguel quanto Joel reforçaram os laços do secretário com a família Vilela. “Eu sou amigo da família dele, então minha ligação com eles é muito forte, trabalhar com ele [Miguel] é um prazer. Conheço o Miguel desde que ele nasceu. Além disso, ele conhece bem Aparecida e conhece bem os empresários, então está me ajudando com essa interação com a cidade”, acrescenta o secretário.

A pretensão atual de Miguel, segundo ele, é focar nos estudos, aprender de forma voluntária onde conseguir e contribuir com a campanha de seu irmão, presidente estadual do MDB, Daniel Vilela, já confirmado como pré-candidato a vice-governador do Estado de Goiás, na chapa de Ronaldo Caiado (DEM). “Irei ajudar. Já falei com ele, vou ser mais um soldado pra gente bater essa eleição”, contou o jovem.

Ele, no entanto, apesar de reiterar não ter nenhuma intenção de assumir cargos públicos em um futuro próximo, não descarta fazer a opção daqui a algum tempo. “Toda proposta deve ser analisada. Não descarto nenhuma possibilidade, já que em minha vida tiveram várias mudanças. Estou sempre aberto, mas hoje não tenho a intenção de assumir um cargo. Voluntariamente eu já aprendo muito com ele, então eu poderia considerar futuramente, mas atualmente não é pertinente”, conclui Miguel.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.