Miguel Proença é exonerado da presidência da Funarte

Principal contato para substituí-lo é o atual diretor do Centro de Artes Cênicas, Roberto Alvim

Pianista Miguel Proença / Foto: Reprodução/Internet

O presidente da Fundação Nacional das Artes (Funarte), Miguel Proença, foi exonerado na manhã desta segunda-feira, 4, pelo presidente da República Jair Bolsonaro (PSL). A decisão foi publicada no Diário Oficial e segue assinada pelo ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni.

Segundo adiantado pelo jornal paulista Folha de S. Paulo, o principal cotado para substituí-lo é o atual diretor do Centro de Artes Cênicas, Roberto Alvim.

A reportagem divulgou ainda que relatos atestam que Bolsonaro teria tratado sobre a possibilidade com Alvim em reunião no Palácio do Planalto. A substituição também teria sido comentada com ministro da Cidadania, Osmar Terra, durante viagem à China. (Com informações do jornal Folha de S. Paulo)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.