Michael, atacante do Flamengo e ex-Goiás, vai jogar na Arábia Saudita

O Flamengo vai receber quase 47 milhões de reais do Al Hilal. O Goiás tem 5% do passe do atacante

Michael: atacante do Flamengo que vai “fazer” a Arábia | Foto: Reprodução

Adepto do futebol-arte e espécie de “arrancada man”, Michael, ex-Goiás e hoje no Flamengo, se prepara para jogar no Al Hilal, da Arábia Saudita. O time árabe vai pagar 8,4 milhões de dólares (46,8 milhões de reais) para o Flamengo, dono de 80% dos direitos econômicos. O Goiás, que tem 5% do passe do atacante, concorda com a venda. O contrato será de três anos e meio.

O jogador, com firme interesse no negócio, decidiu abrir “mão de 15% dos direitos econômicos”, afirma o jornal “O Dia”.

Michael está pronto para viajar para a Arábia Saudita, onde vai ganhar um salário que jamais ganharia no Brasil (apesar de o valor não ter sido revelado por seu empresário, Eduardo Maluf). Seu objetivo é fazer um pé-de-meia, pois a carreira de um jogador de futebol é curta. O atleta tem 25 anos.

“O Dia” informa que o Al Hilal “tem até o dia 24 de janeiro para inscrever jogadores para a disputa do Mundial de Clubes” e conta com Michael para fazer boa figura na disputa.

Arábia Saudita, país que tem as maiores reservas de petróleo do mundo, nada em dinheiro, quer dizer, em dólares — a moeda “universal”. Michael é “caro” para os padrões brasileiros, mas não para os sauditas. Frise-se que o país é controlado pelos sunitas (que são rivais dos xiitas do Irã).

Uma resposta para “Michael, atacante do Flamengo e ex-Goiás, vai jogar na Arábia Saudita”

  1. Avatar Domingos Cardoso Dos Passos disse:

    Boa sorte pra vc Michael, quando tiver rico , possa voltar para o Goiás,

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.