Metas de Manoel Xavier na Sefaz são equilíbrio fiscal e desenvolvimento do Estado

Será realizado um intenso trabalho de gestão das contas públicas para que a prioridade do governo seja a conclusão de obras 

Novo secretário da Fazenda, Manoel Xavier

As metas do novo secretário de Estado da Fazenda (Sefaz), Manoel Xavier Ferreira Filho, à frente da pasta serão a manutenção do equilíbrio fiscal e o desenvolvimento do Estado. O administrador foi empossado neste domingo (8), após deixar o Departamento Estadual de Trânsito (Detran-GO) reestruturado e com índices positivos de gestão.

“Garantir o pagamento da folha em dia, o Goiás na Frente, as dívidas, ou seja, continuar mantendo o Estado de Goiás nos rumos do desenvolvimento. É um desafio superimportante. A Secretaria da Fazenda é que dá a sustentação aos órgãos para poder continuar desenvolvendo suas atividades”, afirma Manoel Xavier.

Segundo o secretário, será realizado um intenso trabalho de gestão das contas públicas para que a prioridade do governo estadual seja a conclusão das obras em Goiás. “Buscaremos cumprir rigorosamente as leis existentes, tanto a Lei de Responsabilidade Fiscal, de Teto de Gastos, de Eficiência. Cabe a nós a nós a responsabilidade. Vamos trabalhar com afinco, determinação, sem preguiça, buscando recursos adicionais. A nossa priorização é garantir a conclusão das obras já iniciadas”, ressalta.

Manoel Xavier informa ainda que o governador José Eliton solicitou que a Secretaria da Fazenda continue participando dos projetos desenvolvimentistas, estruturantes para o Estado de Goiás “com respeito ao contribuinte, valorizando o servidor, com foco no cidadão, diálogo com a sociedade organizada, trabalhadores, empresários e, acima de tudo, buscando o equilíbrio entre as receitas e as despesas, e o respeito às vinculações institucionais”, salienta.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.