Mesmo com mudança de cenário, Marconi mantém porcentual de votos de 2010, enquanto Iris cai

montagem_iris_marconi

Montagem/ Fotos: Fernando Leite

Se levado em conta os resultados das eleições de 2010 e a consequente comparação com os dados do primeiro turno deste pleito, a tendência para o próximo dia 26 de outubro é que o governador e candidato à reeleição, Marconi Perillo (PSDB), ganhe mais uma vez de seu oponente histórico; desta vez, com folga.

Em comparação aos resultados no primeiro turno das eleições de 2010, Marconi manteve a média de votos com 46% da preferência do eleitorado. Iris Rezende (PMDB), por sua vez, apresentou queda, saindo de 36,38%, em 2010, para 28,40%. Neste cenário, em terceiro lugar, o pessebista Vanderlan Cardoso também apresentou estabilidade com aproximadamente 15% dos votos nos dois pleitos.

À manutenção do resultado de Marconi no primeiro turno, deve ser somado ainda o acréscimo de mais um candidato de oposição na disputa ao Palácio das Esmeraldas. Trata-se do petista Antônio Gomide (PT), que abocanhou quase 320 mil votos (10%), tendo a preferência do eleitorado do município de Anápolis, terceiro maior colégio eleitoral do Estado.

No segundo turno, há quatro anos, o tucano contou com 52,99% dos votos, contra 47,01% de Iris. Pesada a queda registrada pelo peemedebista e o fato de que em Anápolis Iris conta com ampla rejeição, não é difícil prever o resultado de logo mais.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.