Menos de 30% dos servidores do Estado receberão fevereiro nesta terça, 26

Na quinta, 28, o Governo quita salários de fevereiro para os demais servidores ativos e inativos que recebem até R$ 5,4 mil líquidos, alcançando 81% da folha do Executivo

Em nota, a secretaria da Economia informou que, nesta terça, 26, recebem fevereiro apenas servidores ativos da Educação, que recebem até R$ 5,4 mil líquidos e ativos e inativos da Segurança Pública na mesma faixa salarial. São 42 mil servidores, 27,15% do total da folha.

Na quinta, 28, o Governo deve quitar os salários dos demais servidores ativos e inativos que recebem até R$ 5,4 mil líquidos, o que corresponderá a 81% da folha do Executivo, aproximadamente 135 mil servidores.

Os demais, ligados ao Executivo e demais poderes, devem ter seus pagamentos depositados no início de março.

5 respostas para “Menos de 30% dos servidores do Estado receberão fevereiro nesta terça, 26”

  1. Ozair Paiva disse:

    Para essa situação financeira melhorar, exonera os comissionados do Tce, salários altissimos

  2. Nayara Dantas disse:

    E necessário ver a situação do Tce realmente.os apadrinhados com salários altos q nos agride e tds colocados pela a gestão anterior

  3. Noraney Lélis disse:

    E a folha do legislativo nem se fala, só os marajas, os indicados com salários acima da media do nosso estado. Vergonhoso o salario dos indicados do Tribunal de Contas: tds acima de 8000,00 pode? Isso é um pecado, é triste ver aquele povo atoa com salários nas altura

  4. Alba Borges de Medeiros disse:

    Cadê o pgto da Folha de dezembro/2018? Professor é desunido e deveria ser inteligente pra não se unir a boiada.

  5. Cesar Luis S. Cavalcante disse:

    Eu quero saber do pagamento de dezembro de 2018, sindicatos e associações estão passivos de mais, chega até desconfiar. Ess governador tem sim condições de fazer o pagamento, só não faz de birra. Não podemos deixar este de dezembro para depois, com esse governo ele pode dar o calote. Dizer que não é responsabilidade dele e não pagar, isso pode acontecer sim. Não existe judiciário confiável.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.