Maria Pires Perillo dá nome à nova sede da Câmara Municipal de Palmeiras de Goiás

Governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), compareceu à solenidade de inauguração do prédio que leva o nome da mãe, falecida em 2012

Maria Pires Perillo, mãe do governador Marconi Perillo (PSDB), falecida em 18 de julho de 2012, recebeu na tarde desta quarta-feira (29/6) a segunda homenagem do dia de um poder municipal. A primeira, da Prefeitura de Águas Lindas de Goiás, que a distinguiu com o nome de uma creche municipal. A segunda, da Câmara Municipal de Palmeiras de Goiás, que batizou sua nova sede, oficialmente inaugurada hoje, com o nome de Maria Pires Perillo, nascida na cidade em 10 de abril de 1938.

O governador compareceu à solenidade, ocorrida em tendas na porta principal da nova sede do poder legislativo, acompanhado de inúmeros parentes, dentre irmãos, tios e primos. Logo na chegada foi recepcionado por um grupo de muladeiros que compõe a comitiva Manoel Pires de Moraes, bisavô do governador e inspirador da tradicional romaria da família de dona Maria Pires Perillo entre Acreúna e Trindade.

Manoel Pires de Moraes foi o idealizador da romaria, a qual comandou até 1943, ano de sua morte. Neste ano de 2016 um grupo de netos, bisnetos e trinetos de Manoel de Moraes retomou a tradição. O objetivo é cobrir os 200 quilômetros que separam a fazenda da família em Acreúna até Trindade, com carros de bois e cavalos.

Dois dos carros de bois levarão alimentos a serem distribuídos a entidades assistenciais de Trindade. O chefe da comitiva é Demoril Júnior, bisneto de Manoel Moraes.

O governador declarou-se emocionado com as inúmeras homenagens que Goiás tem prestado a sua mãe. Desde o seu falecimento, há quatro anos, Maria Pires Perillo já foi homenageada emprestando o nome a centros culturais, parques, conjuntos habitacionais, hospitais, creches, escolas e agora à Câmara Municipal de Palmeiras.

Redigido de próprio punho, um resumido texto que aborda a trajetória da mãe foi lido pelo governador. Em alguns momentos com a voz embargada pela emoção, Marconi enalteceu os principais valores de dona Maria – bondade, caridade, amor à família, retidão de caráter e honestidade.

Não deixou de citar o desejo e cobrança constante da mãe para que um dia tivesse um diploma universitário. “Mesmo depois de já ter sido eleito governador por três vezes, ela me cobrava – troco todos esses seus diplomas de governador por um de doutor”. E completou em meio a muitos aplausos: “E eu tive a felicidade de um dia poder ter-lhe entregue o meu diploma de bacharel em Direito”.

Na abertura de seu pronunciamento, Marconi fez referência à eleição para a presidência da Assembleia Legislativa, que ocorre neste dia 30 (quinta-feira) no período da tarde. Cheio de esperanças previu que “amanhã, neste mesmo horário, Palmeiras poderá estar se transformando na primeira cidade goiana e uma das primeiras do Brasil a ter dois chefes de poderes: o governador do Estado e o presidente da Assembleia Legislativa”, referindo-se à eleição quase certa do deputado José Vitti, morador de Palmeiras, à presidência do poder legislativo de Goiás.

A nova Câmara Municipal de Palmeiras de Goiás foi erguida com recursos próprios do legislativo ao custo de R$ 1,7 milhão. Em móveis e equipamentos foram investidos outros R$ 250 mil. Está localizada em área construída de mil metros quadrados e outros mil metros quadrados de jardins e estacionamento.

Além do prefeito Alberane Marques (PSDB) e do presidente da Câmara, Ailton Fernando da Silva (PSDB), acompanharam o governador na solenidade, o deputado federal Roberto Balestra(PP), prefeitos, vereadores e várias lideranças regionais. (Com Gabinete Imprensa)

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.