“Maria Macaca” é o filme preferido do público no Fica 2015

Documentário do diretor Lázaro Ribeiro venceu prêmio de melhor filme escolhido por voto popular. História ainda rendeu a premiação de segundo melhor filme goiano

Foto: Sarah Teófilo

Foto: Sarah Teófilo

Sarah Teófilo
Da Cidade de Goiás

A história da mulher que matava a sede da Cidade de Goiás foi o filme preferido pelo público que passou pelo Cinemão na 17ª edição do Festival Internacional de Cinema Ambiental (Fica). O documentário de Lázaro Ribeiro venceu o prêmio de melhor filme escolhido pelo júri popular e o prêmio de segundo melhor filme goiano, pela relação com Goiás e água — temática principal do Fica este ano. A votação acontecia em cada sessão de filmes por meio de cédulas.

Emocionado, o diretor destaca que tudo que sabe sobre cinema é graças ao festival. “Isso é resultado de 17 anos assistindo a palestras, fazendo minicursos no festival”, disse, entre lágrimas. Lázaro explica que começou comprando câmeras pequenas e filmando tudo aquilo que via.

O curta-metragem estreou em abril deste ano na cidade. A narração é de dona Nesci — falecida no último mês de julho –, neta de Maria, que conta a vida difícil de sua avó, uma carregadeira d’água que saía alegre pelas ruas de Goiás, cantando e levando água para a população.

Dona Nesci explica no decorrer do documentário as dificuldades de se obter água na época e que a avó tinha consciência da importância da água. “Não era igual agora; não tinha água encanada”, e lembrou do fim da vida de Maria: “Quando ela morreu, choveu sem parar durante o enterro. Depois, devagarzinho, foi diminuindo até parar.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.