Marconi Perillo e Celg D inauguram Subestação Xavantes em Goiânia

Obra vai permitir o alívio do sistema elétrico que atende as subestações Ferroviário e Aeroporto

estação destaque

SE Xavantes | Foto: Divulgação/ Celg D

O governador reeleito Marconi Perillo (PSDB) inaugura nesta segunda-feira (29/12) a Subestação Xavantes. A obra, que pretende ampliar a oferta de energia para a Região Metropolitana de Goiânia, faz parte de um parceria entre o governo estatual e a Celg D.

De acordo com informações da Celg D, dentre as obras planejadas para o setor está a implantação de um transformador 138/13.8 kV, com capacidade de 33.000 kVA. Para distribuir esta energia aos consumidores, construiu-se 35 Km de circuitos na tensão de 13.800 volts. Os investimentos na subestação e nos circuitos demandaram o montante de R$ 12,37 milhões.

Este conjunto de obras, além de aumentar a oferta de energia para Goiânia e entorno, permitirá o alívio do sistema elétrico que atende as subestações Ferroviário e Aeroporto (supridoras dos bairros Setor Norte Ferroviário, Criméia, Centro, Balneário, Oeste, Aeroporto, Funcionários, Coimbra e outros, representando um universo aproximado de 40 mil consumidores).

A subestação vai assumir, inicialmente, 20.000 kVA e deverá atingir sua capacidade máxima em três anos; dessa forma, vai descarregar as unidades transformadoras das subestações acima mencionadas e diminuindo o carregamento das linhas Xavantes — Ferroviário e Xavantes — Aeroporto.

Ainda segundo a Celg D, outras obras para a Grande Goiânia estão em andamento com previsão de conclusão até maio do próximo ano, como as ampliações das subestações Anhanguera, que prevê melhorias do atendimento aos Distritos Industriais de Aparecida de Goiânia; Carajás que pretende melhorar o serviço de energia na Região Sudoeste da cidade. O montante destes investimentos alcança R$ 34,21 milhões.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.