Marconi Perillo afirma que carros de luxo do governo não valem mais do que R$ 300 mil

Além disso, venda de automóveis é ilegal. Entenda

Foto: divulgação

No mesmo dia em que Ronaldo Caiado (DEM) divulgou que leiloaria dois carros de luxo do governo, para doar o valor ao Hospital Materno-Infantil (HMI), decisão acabou esbarrando na lei. A venda dos veículos seria ilegal. De acordo com o art. 44 da Lei de Responsabilidade Fiscal que diz o seguinte:

“Art. 44. É vedada a aplicação da receita de capital derivada da alienação de bens e direitos que integram o patrimônio público para o financiamento de despesa corrente, salvo se destinada por lei aos regimes de previdência social, geral e próprio dos servidores públicos.”

O advogado eleitoral, Dyogo Crosara afirmou a informação. Segundo ele “Teria que ter uma lei específica autorizando a venda”.

Além disso, os automóveis e modelo Equus VS 460, da Hyundai Caoa, não valeriam mais do que R$ 300 mil, diferente do que afirmado pelo governo, de que, cada um, seria avaliado em cerca de R$ 325 mil. Quem afirma é o próprio ex-governador Marconi Perillo em nota divulgada nesta quinta-feira, 10. Confira:

“A respeito dos veículos que são objeto do anúncio de leilão pelo governador Ronaldo Caiado, é necessário ressaltar que um dos automóveis, modelo 2011/2011, foi doado pela Hyundai Caoa ao Governo de Goiás em 2011. O veículo foi incorporado ao patrimônio do Estado, na frota da Secretaria de Estado da Casa Militar.

Segundo valores da tabela Fipe, o veículo doado pela Caoa Hyundai tem valor de revenda de mercado de R$ 130 mil. O outro automóvel, modelo 2013/2013, está cotado em R$ 160 mil.

Os veículos em questão não servem apenas aos governadores de Estado. São utilizados para o transporte de diversas autoridades, entre eles cônsules, embaixadores, governadores, presidentes de outros Poderes e presidentes da República em missões oficiais ao Estado.”

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

José Maria

Caiado fez muito bem! Que coisa idiota , um estado falido ter automóvel de luxo pata transportar autoridades. Deve vender e comprar uma ambulância.

Alex

Nossa um carro de 300 mi doado ao Marconi? Ele é muito bonzinho vou doar o meu à ele tambem. Ai tem “CAOA”