Marconi destaca resultado positivo da missão internacional

Iniciada na sexta-feira passada (12/2), comitiva goiana liderada pelo governador encerrou hoje (19) compromissos oficiais da viagem à Austrália e Nova Zelândia, na Oceania

Comitiva goiana encerrou nesta sexta-feira (19) a missão internacional na Austrália e Nova Zelândia, inciada no dia 12 de fevereiro | Foto: Gabinete de Imprensa

Comitiva goiana encerrou nesta sexta-feira (19) a missão internacional inciada no dia 12 de fevereiro | Foto: Gabinete de Imprensa

“Perseguimos com muita obsessão a diversificação das relações comerciais que já ampliamos de menos de 20 para mais de 150 nos últimos dez anos.” No encerramento da missão internacional do governo de Goiás na Oceania nesta sexta-feira (19/2), o governador Marconi Perillo (PSDB), destacou a busca por fechamento de parcerias e negócios para o Estado com empresas e autoridades da Austrália e Nova Zelândia desde a sexta-feira passada (12).

Marconi falou sobre os sete dias de “reuniões, encontros e boas perspectivas de negócios e parcerias” nas redes sociais oficiais pessoais e do governo goiano. “Nesta sexta, estivemos na Câmara de Comércio da Nova Zelândia onde os neozelandeses sinalizaram intenção de negócios novos entre este país e os interessados brasileiros.”

Ainda na manhã de hoje, a comitiva estadual esteve na Universidade de Auckland, na Nova Zelândia, para discutir a cooperação no setor educacional, com o que Marconi chama de “preocupação com a qualidade da educação com a implantação do modelo de gestão de ensino pelas Organizações Sociais (OSs)”. Na mensagem publicada pelo governador, o tucano tratou de afirmar que “nada tem a ver com privatização”.

“Queremos iniciar o Goiás Sem Fronteiras trabalhando com a cooperação bilateral de 10 universidades e pretendemos começar o programa com aproximadamente 150 estudantes. Goiás precisa se diferenciar do Brasil”, declarou Marconi.

Sobre as OSs na gestão compartilhada das escolas estaduais, o tucano disse que o governo quer e vai continuar a insistir em “mudanças significativas que coloquem Goiás entre os melhores Estados do Brasil e do mundo em Educação”.

Sobre o último evento da missão internacional goiana, a reunião com Malcom Millar, diretor do Ministério de Relações Exteriores e Comércio da Nova Zelândia, Marconi explicou o que a comitiva fez durante o encontro: apresentar as potencialidades e oportunidades de negócios com Goiás.

“Os resultados dessa missão são muitos positivos. Austrália e Nova Zelândia colocaram Goiás, e até o Brasil, no seu radar. Uma missão com muitos e bons resultados. Valeu a pena”, avaliou o governador.

A comitiva goiana deixa a Oceania no domingo (21) e desembarca em Goiânia na segunda-feira (22), quando o governador retoma sua agenda oficial de compromissos em Goiás.

Vídeos

Em vídeos gravados durante a missão internacional, três temas foram abordados por Marconi: Organizações Sociais, transparência e a viagem. Confira abaixo o que o tucano comentou sobre esses assuntos:

Deixe um comentário