Marconi afirma que caminharia ao lado de Mendanha: “Se depender de mim, estaremos todos juntos”

Pelo lado do Patriota, o presidente do partido, Jorcelino Braga, considera o assunto esgotado

A seis meses da realização das eleições, ainda não se sabe o caminho que o ex-governador Marconi Perillo (PSDB) irá tomar. No entanto, seu posicionamento tem indicado possibilidades de aliança visando enfrentar Ronaldo Caiado (UB), que busca a reeleição. Em durante discurso num evento promovido pela Associação Goiana dos Ex-prefeitos (Agexp), Perillo declarou que está aberto ao diálogo com Gustavo Mendanha (Patriota) e que podem caminhar lado a lado. “Da minha parte vamos estar juntos. Se depender de mim, nós estaremos todos juntos. Porque o meu objetivo não é pessoal”, afirmou.

A possibilidade de aliança entre Mendanha e Perillo é assunto há algum tempo, mas encontra um obstáculo importante. O atual partido do ex-prefeito de Aparecida de Goiânia, Patriota, tem comando de Jorcelino Braga, adversário político de Marconi. Na ocasião da filiação de Mendanha, inclusive, uma das condições era de não haver aliança com o tucano. O próprio Mendanha chegou a declarar que a dificuldade pode ser intransponível, por conta do posicionamento de Braga. Procurado pelo Jornal Opção, o presidente do Patriota declarou que “esse já é um assunto esgotado”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.