Manifestantes reivindicam o cumprimento de 30% de representação feminina nas eleições 2020

Grupo denuncia partidos que teriam utilizado recursos do Fundo Eleitoral destinado às mulheres de forma incorreta

Foto: Reprodução

Um ato que reúne mulheres, entidades e representantes da sociedade civil organizada, foi realizado nesta terça-feira, 1º, em frente ao prédio da Justiça Eleitoral, na Avenida T-7. Os manifestantes reivindicam o cumprimento da cota de gênero nas eleições municipais deste ano.

Além do não cumprimento da cota de gênero estabelecida pela lei federal 9.504/1997, alterada em 2009 para garantir uma cota mínima de 30% de candidatas por partido ou coligação nas eleições, o grupo denuncia que partidos teriam utilizado recursos do Fundo Eleitoral destinado às mulheres de forma incorreta.

Nove partidos, em Goiânia, não teriam respeitado a cota estabelecida. São eles: Avante, Cidadania, PL, PMB, PSB, PSC, PSL, PTB e PTC.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.