Maia fala sobre rompimento com líder do governo na Câmara, Major Vitor Hugo

Presidente da Câmara não fala com deputado ‘há um tempo’, desde quando o líder compartilhou uma charge em que alguém ia negociar com deputados levando um saco de dinheiro

Foto: Reprodução

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), afirmou nesta terça-feira, 21, que rompeu relações com o líder do governo na Câmara, Major Vitor Hugo (PSL). Durante uma reunião entre líderes, Maia afirmou ter cortado relações pessoais com Vitor Hugo há um tempo, e confirmou que não recebe o deputado desde março. O desgaste veio após o líder ter compartilhado uma charge em que alguém ia negociar com deputados levando um saco de dinheiro.

Para uma parte dos presentes, a fala de Maia foi interpretada como uma resposta às declarações de Vitor Hugo na reunião da semana passada, quando Maia estava em viagem aos Estados Unidos. O líder do governo aproveitou a ausência do presidente para se queixar das reuniões que Maia promove na residência oficial com parlamentares do centrão. Para o Major, não é justo que líderes se reúnam com o presidente da Casa sem que os demais partidos também sejam convidados

Mais tarde, Maia disse que não tem como romper uma relação que não existe. “Não tenho relação com ele. Só posso romper com quem eu tenho relação. Não fiquei chateado, é diferente, a instituição foi atacada. A única coisa que eu disse é por que ele não fazia parte das minhas relações já desde março. Um deputado que coloca uma charge atacando o Parlamento, comigo não tem conserto”, explicou o presidente da Câmara.

A reportagem tentou contato com o Major Vitor Hugo mas não obteve retorno até a publicação desta matéria. 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.