“Segundo turno é outra história”, afirma Maguito em entrevista

Ao programa Roda de Entrevistas, ex-prefeito mandou recado para Caiado e não garantiu apoio automático em eventual segundo turno

Divulgação

Convidado desta terça-feira (27) do programa Roda de Entrevista, da nova TBC, o ex-prefeito de Aparecida de Goiânia, Maguito Vilela (MDB), afirmou que, caso o senador Ronaldo Caiado (DEM) passe ao segundo turno na disputa ao governo de Goiás, ele não contaria com o apoio automático do MDB.

“ O segundo turno é outra história. Segundo turno vai depender muito do primeiro. Os três candidatos devem ter posição de estadistas”, declarou Maguito Vilela.

O ex-prefeito reforçou o nome do filho, o deputado federal Daniel Vilela (MDB), como nome legítimo para concorrer ao governo, mas também fez críticas à divergência na oposição para escolha de um único candidato.

“O povo quer que os políticos se unam para resolver os problemas. Quem ganhar vai ter que governar para todos os goianos, para todos os partidos políticos e para todos os segmentos”, disse.

Sobre as lideranças do MDB que declararam apoio a Caiado, Maguito afirmou que “nenhum emedebista entendeu a agressividade contra um partido que oportunizou a eles todos os tipos de candidaturas que eles quiseram até hoje”.

2
Deixe um comentário

2 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
2 Comment authors
Márcio Lins Ribeiro

Maguito Vilela, fala claro e o Caiado finge em não entender.

oswaldomendes

Os goianos não aguenta mais família irista, e vilelas sai fora povo nojento.