Lula loteou BR Distribuidora entre PT e Collor, diz Janot

A informação consta na denúncia protocolada pelo procurador no Supremo Tribunal Federal (STF) contra o o deputado federal Vander Loubet (PT-MS)

Informação sobre troca de favores entre Lula e Collor consta na denúncia protocolada por Janot no STF | Fotos:  Antônio Cruz/Agência Brasil e Jefferson Rudy/Agência Senado

Informação sobre troca de favores entre Lula e Collor consta na denúncia protocolada por Janot no STF | Fotos: Antônio Cruz/Agência Brasil e Jefferson Rudy/Agência Senado

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, afirmou que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) concedeu “ascendência” sobre BR Distribuidora, subsidiária da Petrobrás, ao Senador Fernando Collor (PTB-AL) em 2009, em troca de apoio político.

Janot disse que na BR Distribuidora foi criada, entre 2010 e 2014, “uma organização criminosa preordenada principalmente ao desvio de recursos públicos em proveito particular, à corrupção de agentes públicos e à lavagem de dinheiro”.

O procurador-geral denunciou que Collor nomeou os responsáveis pela diretoria de Rede de Postos de Serviços da BR, Luiz Claudio Caseira Sanches, e pela diretoria de Operações e Logística, José Zonis. Janot também refere que as duas diretorias ocupadas por indicados de Collor “serviram de base para o pagamento de propina ao parlamentar”.

A informação consta na denúncia protocolada pelo procurador no Supremo Tribunal Federal (STF) contra o o deputado federal Vander Loubet (PT-MS). O caso está sendo analisado pelo ministro Teori Zavascki. O ex-presidente Lula não é alvo de acusação da Procuradoria. (com informações Folha de S. Paulo)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.