Equipe será formada pela instituição “Comunitas” que, de acordo com Caiado, faz esse trabalho sem custo

Wilder Morais | Foto: Jefferson Rudy/ Agência Senado

Escolhido para liderar a equipe de transição do governador eleito Ronaldo Caiado (DEM), Wilder Morais (DEM) diz que vai trabalhar com uma equipe técnica especializada para fazer um diagnóstico de cada departamento e secretaria do governo. A equipe será formada pela instituição “Comunitas”, que, de acordo com Caiado, tem perfil de fazer transição e, também de gestão.

Em entrevista concedida na reunião entre o atual e o futuro governo, realizada na manhã desta segunda-feira (22/10), Wilder disse que optou pela equipe técnica, porque, para ele, os técnicos são “a parte mais competente do país”.

“O objetivo dessa equipe é dar sugestões para que nós possamos fazer um relatório preciso e detalhado de cada área”, explicou Wilder. Segundo Caiado, a instituição que fornecerá essa assessoria técnica faz o trabalho sem custo. “Não terá gasto para o governo ou para governador e muito menos pro partido”, afirmou o democrata.

Wilder ainda disse que pretende se inteirar da situação do governo atual e tomar conhecimento de todas as áreas. “Vamos analisar todos os programas que o governo tem em andamento para que a gente possa fazer um levantamento e o relatório possa ajudar o futuro governador”, afirmou.