Levy deve assumir direção financeira do Banco Mundial em Washington

Ex-ministro brasileiro da Fazenda, Joaquim Levy é apontado como sucessor do francês Bertrand Badré a partir de segunda-feira (11/1)

Ex-ministro Joaquim  Levy: sem apoio nem do  partido da presidente da  República, ele deu lugar  a Nelson Barbosa | Marcelo Camargo/Agência Brasil

Informação teria sido confirmada por Otaviano Canuto, diretor do Brasil no FMI | Marcelo Camargo/Agência Brasil

Depois de ser substituído por Nelson Barbosa no Ministério da Fazenda em 21 de dezembro de 2015, o ex-ministro Joaquim Levy deve tomar posse na segunda-feira (11/1) como diretor financeiro do Banco Mundial em Washington, nos Estado Unidos.

O ocupante do cargo no Banco Mundial, o francês Bertrand Badré, teria comunicado internamente que deixaria a instituição em março deste ano, como informa o Estadão.

Durante palestra nesta sexta-feira (8) sobre perspectivas econômicas no Brasil em 2016 na cidade de Washington, o diretor do Brasil no Fundo Monetário Internacional (FMI) Otaviano Canuto foi quem informou a ida de Levy para o Banco Mundial.

O Banco Mundial, por meio de um porta-voz, não quis confirmar ao Estadão se a informação é verdadeira ao dizer que “não pode confirmar quaisquer nomeações de executivos”.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.