Prazo para análise de vacinas pela Anvisa é de um ano. No entanto, devido emergência da pandemia, agência trabalha com período de 60 dias

Em maio deste ano foi aprovada a Lei n° 14.006, que pode ser utilizada para reduzir o prazo que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) terá para avaliar uma possível vacina contra a Covid-19.

A regra estabeleceu que a Anvisa deve avaliar em até 72 horas, ou três dias corridos, “quaisquer materiais, medicamentos, equipamentos e insumos da área da saúde sujeitos à vigilância sanitária” que tenham sido aprovados por quatro agências estrangeiras consideradas referências: a FDA, dos Estados Unidos, a EMA, da União Europeia, a PMDA, do Japão, e a NMPA, da China. 

A legislação determina que, caso a Anvisa não analise o pedido nesse prazo de três dias, a autorização será “concedida automaticamente”.

O prazo de análise para vacinas pela Anvisa é de um ano. No entanto, devido a emergência da pandemia, a agência trabalha com o período de 60 dias.

(Com informações da CNN Brasil)