Ex-prefeito e ex-governador de SP, também candidato à Presidência por duas vezes, ele foi diagnosticado com a doença em seu estágio inicial

A assessoria do senador José Serra (PSDB-SP) anunciou nesta terça-feira, 10, que ele se afastará do mandato por quatro meses, para tratamento de saúde.

Em nota oficial, o gabinete do senador – também ex-prefeito e ex-governador de São Paulo e candidato derrotado à Presidência (em 2002 e 2010) – comunicou que “após avaliações neurológicas que foram finalizadas na última semana, Serra foi diagnosticado com doença de Parkinson em estágio inicial, o que requer um período de adaptação à medicação.

O senador também vai tratar um distúrbio do sono que o incomoda há algum tempo.

Em seu lugar, assume o suplente José Aníbal, ex-deputado federal e ex-presidente nacional do PSDB.