José Nelto cogita saída, mas presidente do Podemos tenta mantê-lo no partido

Com relação desgastada desde a saída de Nelto da liderança do diretório regional, deputado federal tende a rumar para o MDB

Presidente do Podemos goiano desde o início deste ano, o vice-prefeito de Aparecida de Goiânia Vilmar Mariano diz que a legenda se esforça para manter a filiação do deputado federal José Nelto, que buscará a reeleição para a Câmara dos Deputados, em Brasília. Antes, a agremiação era liderada pelo próprio José Nelto. A troca de comando, no entanto, acabou gerando desconforto. Tanto que, como mostrou o Jornal Opção, aos interlocutores de confiança, o próprio parlamentar indica que está mesmo de saída do Podemos. Mesmo apreciando o partido, que lhe deu força no Congresso Nacional e contribuiu para viabilização de recursos para prefeituras de Goiás. Apesar do trânsito que tem com as lideranças nacionais, José Nelto deve voltar para o MDB, liderado em Goiás por Daniel Vilela, pré-candidato a vice-governador no projeto de reeleição do governador Ronaldo Caiado (UB).

“Estamos fazendo um esforço para que ele fique no partido. Ele é importante, é um quadro interessante e nós estamos conversando para que ele permaneça no partido”, garante Mariano ao Jornal Opção. Já o parlamentar não assegura que vai deixar ou seguir na atual legenda. “Até 1º de abril estarei decidido”, diz. Antes, ele esperava decidir o futuro político ainda este mês. Além da presidência ter sido passada para Mariano, um dos motivos de desgaste do deputado com a executiva nacional do partido seria a possibilidade do Podemos apoiar o prefeito de Aparecida, Gustavo Mendanha (sem partido) na disputa pelo Palácio das Esmeraldas. José Nelto, por outro lado, prefere fechar palanque para o atual governador do Estado. Ele já disse, inclusive, estar “100% fechado com Caiado”, embora não tenha descartado mudança de rumo.

Apesar dos rumores de rusga entre Mariano e Nelto, os dois mantêm postura discreta sobre o assunto. Acerca de desentendimentos, por ter sido substituído no comando partidário, José Nelto retorquiu: “Não tenho inimizade com nenhum dos sete milhões de goianos”. Vilmar, por sua vez, desde de janeiro tenta demover o deputado da tendência de deixar o partido. Ele disse, inclusive, que Nelto é o melhor quadro do Podemos goiano.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.