João Campos precisa encontrar substituto no PRB antes de sair a vice, diz aliado

Deputado federal do PRB conversou com pré-candidatos do governo e recebeu propostas para compor chapa como segundo chefe do Estado

Rogério Cruz | Foto: Alberto Maia

O vereador Rogério Cruz (PRB) falou ao Jornal Opção sobre o que tem feito o deputado federal João Campos, do mesmo partido, referente aos convites para integrar chapas do governo como vice e como fica a situação da legenda ao escolher um aliado. Ele disse que conversou recentemente com o parlamentar do Congresso Nacional, que reforçou, mais uma vez, que a questão ainda não está encaminhada.

“O PRB ainda não bateu o martelo sobre ficar ou não na base do governo de Goiás. Também houve realmente conversas com todos os três maiores candidatos [Daniel Vilela (MDB), Ronaldo Caiado (DEM) e José Eliton (PSDB)]”,  afirmou o vereador. Cruz confirma que houve propostas do MDB e do DEM para que o PRB apresentasse o nome de alguém para vice, e que este viria a ser o de João Campos.

Rogério Cruz declarou, também, que essa é uma decisão que precisa ser tomada de forma cuidadosa e levando em conta todos os lados. “Se o João campos decidir ser vice de qualquer que seja o candidato, ele vai precisar entregar para o nosso partido um deputado federal que seria o sucessor dele”, arguiu.

Sobre a permanência na base ou não, o parlamentar contou que todos políticos da legenda são consultados, mas que a decisão parte do diretório nacional do PRB. A palavra final, garante o vereador, deve ser anunciada em breve, antes das convenções. 

“Independente da escolha há ônus e bônus fazendo aliança com qualquer das três principais chapas que lançam candidatos a governadores, então vão optar pelo que for melhor ao partido e à população”, concluiu o Rogério que é um dos nomes do PRB ao Congresso, caso João Campos se torne vice de algum candidato.

A reportagem também tentou falar com o próprio João Campos durante a semana, porém não conseguiu uma resposta do parlamentar até a publicação desta matéria.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.