“Isso é só a ponta do iceberg”, diz Caiado sobre Operação Decantação

Governador de Goiás se manifestou nas redes sociais sobre investigação que apura possíveis desvios na Saneago em gestões passadas

Em suas redes sociais, o governador Ronaldo Caiado (DEM) comentou os desdobramentos da Operação Decantação, que fez mandados de busca e apreensão e realizou prisões na manhã desta quinta-feira, 28. “Lamento anunciar que, a julgar pelos descalabros que estamos encontrando no governo, isso é só a ponta do iceberg”, escreveu.

“Em tempo: na minha gestão, a Saneago é presidida por um profissional de competência e seriedade reconhecidas nacionalmente! Foi criada uma Superintendência de Governança e a Saneago foi a primeira unidade do Governo a aderir ao programa de Compliance da CGE. Acabou a bandalheira!”, disse no Twitter.

O governador aproveitou a operação da Polícia Federal, que apura desvios na Saneago, durante a gestão de Marconi Perillo e José Eliton (PSDB), para destacar pontos de sua gestão. “Mais um constrangimento para todo o povo goiano! Mas tenham a certeza de que, conforme prometi na campanha, vamos botar um fim ao tempo da corrupção e da irresponsabilidade com o dinheiro público. Total transparência e seriedade serão marca do nosso governo”, disse.

Entenda

A Polícia Federal deflagrou, na manha desta quinta-feira, 28, a segunda fase da operação Decantação que investiga desvios na Companhia de Saneamento de Goiás (Saneago). Foram cumpridos cinco mandados de prisão temporária, oito de busca e apreensão, além do sequestro de 65 imóveis avaliados em cerca de R$ 35 milhões e o afastamento da função pública de dois servidores da Saneago.

O ex-governador José Eliton é um dos alvos na operação e a PF fez buscas nesta manhã em endereços ligados ao ex-governador. O pedido de sua prisão, no entanto, foi negado pela Justiça. De acordo com informações preliminares, os agentes apreenderam cerca de R$ 800 mil na casa da filha de um ex-chefe de gabinete do então governador Marconi Perillo, além de oito armas de fogo em outros endereços ligados aos investigados. Tanto o ex-chefe de gabinete quanto a filha foram presos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.