Iris afirma que decreto de flexibilização do comércio pode sair essa semana

Após secretário municipal de Governo Paulo Ortegal anunciar possível reabertura em transmissão nas redes sociais, prefeito Iris Rezende confirma intenção em visita ao Coreto da Praça Cívica

Prefeito de Goiânia, Iris Rezende (MDB) | Foto: Fernando Leite/Jornal Opção

Após o secretário municipal de Governo, Paulo Ortegal, admitir a possibilidade de um decreto ainda nessa semana flexibilizando o comércio, o prefeito de Goiânia, Iris Rezende (MDB), confirmou a informação em entrevista concedida na Praça Cívica nesta terça-feira, 16.


“Queremos já nesta semana assinar o decreto que determina a reabertura de segmentos até que a situação ofereça oportunidade para que todas as instituições comerciais e administrativas possam estar abertas”, afirmou o prefeito. Pouco antes, em transmissão nas redes sociais, Ortegal havia dado o anúncio. “Nós vamos, até o final da semana, estar liberando esse decreto com algumas flexibilizações de alguns segmentos”, disse.

Ainda na segunda-feira, 15, o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Ciência e Tecnologia (Sedetec)Walison Moreira, afirmou ao Jornal Opção que acreditava que o projeto só seguiria adiante no Legislativo quando vereadores e prefeito discutissem e entrassem em um consenso sobre os próximos passos a serem tomados.


O anúncio ocorre um dia depois de vereadores anunciarem a apresentação de um projeto na Câmara Municipal para sustar os efeitos dos decretos municipais e estaduais de isolamento social na capital. De autoria de Romário Policarpo, presidente do Legislativo, Sabrina Garcêz (PSD) e Lucas Kitão (PSL), a pauta seria apresentada na quarta-feira, 17, e votada na próxima semana.

Em recomendação, a promotora de Justiça, Marlene Nunes Freitas Bueno, do Ministério Público de Goiás, chegou a pedir que a pauta fosse retirada de tramitação por vício material e de forma. De acordo com ela, sustar os efeitos do decreto seria uma invasão de competência administrativa do gestor municipal em relação às medidas de contenção do coronavírus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.